18 Estratégias de Marketing digital

Índice

Conhecer as estratégias de marketing digital é essencial para quem deseja iniciar um negócio online ou então ganhar maior visibilidade no ambiente virtual.

Para a maioria das empresas investir em Marketing digital se tornou uma prioridade, tendo em vista que cada vez mais pessoas utilizam a internet para se comunicar.  

Não só para a comunicação, como também para buscar informações e principalmente realizar suas compras movimentando o comércio digital

O mercado digital, se encontra mais aquecido do que nunca, de acordo com a ABCOM, o fluxo de vendas por meio eletrônico brasileiro faturou 56,8% a mais nos primeiros cinco meses do ano de 2020.

As grandes empresas  já compreenderam a necessidade de se fazer presente no ambiente virtual e também quais as vantagens estão presentes em fazer o uso do Marketing digital.

Mas engana-se quem pensa que para ser bem sucedido basta ter um site ou então marcar presença nas redes sociais, pois o Marketing digital precisa ser estratégico.

Você precisa fazer um planejamento e também estar preparado para fazer um acompanhamento das métricas.

E dentro das infinitas possibilidades encontradas dentro do Marketing digital é preciso definir um objetivo.

Nesse sentido, é preciso conhecer quais são as principais estratégias de Marketing digital e como você pode fazer para aplicá-las ao seu negócio.

Como aplicar as estratégias de Marketing digital

Antes de apresentarmos quais são as principais estratégias de marketing é necessário que você conheça os requisitos necessários para aplicar a estratégia ao seu negócio.

Defina o seu público-alvo ou a persona

O primeiro passo  para iniciar uma campanha de Marketing digital é saber para quem você está vendendo e qual o nicho de mercado o seu negócio está inserido.

São as características de um público-alvo que irão direcionar a escolha das suas estratégias, e também permitir que você identifique quais serão as mais adequadas para esse público.

Para estudar o público-alvo e defini-lo você pode realizar coleta de dados e informações.

Podendo ser realizado através de pesquisas, questionários, coletas de dados dos clientes que já compram com você, e também estudo de dados presentes no mercado sobre o seu nicho.

Além disso, é possível, e recomendável, que você monte uma Persona, para representar parte do seu público, e  também para que você possa identificar comportamentos padrões e elaborar estratégias com base nesses comportamentos.

Conheça as necessidades dos seus clientes

É importante compreender como o seu produto ou serviço está inserido na vida dos seus clientes e qual é a dor que esse produto resolve.

Descobrindo isso, faz com que você encontre melhores formas e estratégias para promover o seu negócio com base no que o seu cliente quer ver.

É pensando em direcionar as suas estratégias para as necessidades dos clientes que você se torna mais assertivo.

Conheça quem são os seus concorrentes

Para aplicar as estratégias de Marketing Digital ao seu negócio também é necessário saber quem são os seus concorrentes e quais são as estratégias que eles utilizam no mercado.

Isso permite que você consiga identificar quais são as estratégias que podem  ser sucedidas para atrair a atenção do seu público-alvo.

Pois, provavelmente, o público-alvo dos concorrentes é bem semelhante ao seu.

Além disso, também permite que você identifique estratégias que já foram utilizadas. 

A partir desse ponto é possível trabalhar para oferecer algo novo e ser mais criativo, para garantir que o seu negócio se destaque entre os concorrentes  

Estabeleça metas e objetivos para alcançar

Aplicar uma estratégia sem nem mesmo saber onde você quer chegar pode atrapalhar o seu negócio, pois você vai investir tempo e dinheiro sem conseguir avaliar se os seus esforços estão tendo resultados.

Por isso, é importante que você defina o objetivo das suas estratégias antes de aplicá-las para conseguir determinar também quais são os principais KPIs.

Faça um planejamento

De nada adianta você conhecer as estratégias, se você não tiver um planejamento adequado e um plano de marketing.

Pois trabalhar com Marketing digital envolve alguns fatores como dinheiro, estudo e também tempo.

Portanto, antes de iniciar as suas estratégias é preciso estar preparado e também se planejar.

Vantagens em aplicar as estratégias de Marketing digital

Entrar no ambiente digital e aplicar as estratégias de Marketing digital não é uma tarefa fácil, mas vamos conhecer o motivo de tantos empreendedores investirem mesmo sabendo dos riscos ao conhecer as suas principais vantagens. 

De uma maneira geral o Marketing digital contribui para que:

  • Você consiga alcançar novos públicos: Através das estratégias de Marketing digital você garante um alcance maior de um público que pode estar interessado pelo seu negócio.

  • Construção de autoridade: você pode se tornar referência dentro da sua área ao aplicar as estratégias corretas.

  • Melhor acompanhamento de resultados: as principais ferramentas de Marketing digital permitem que você acompanhe resultados.

  • Trabalhar no seu relacionamento com o público: a comunicação pode se tornar mais clara fácil e efetiva dessa maneira você pode trabalhar para ter mais clientes fiéis.

  • Aumentar as suas vendas: Com um público maior e as estratégias certas você consegue ver o impacto do Marketing nas suas vendas. 

  • Se manter competitivo: provavelmente o seu concorrente já está na internet investindo em Marketing.

Conheça as principais estratégias de Marketing Digital

Você acabou de conhecer  quais são os aspectos principais para que você possa aplicar as estratégias de Marketing digital ao seu negócio e quais são os seus benefícios conferidos por essas estratégias.

Agora, iremos apresentar cada estratégia com o foco no seu objetivo e também na sua aplicação e ainda quais são as ferramentas utilizadas na sua aplicação. 

1. Inbound Marketing

O Inbound Marketing é uma estratégia que pode ser relacionada ao Marketing de atração.

Seu principal objetivo é atrair leads, leads são pessoas que demonstram ter interesse pelo seu produto, através do compartilhamento e criação de conteúdo de valor direcionados a um público-alvo.

Você compartilha conteúdo de valor, permitindo que o seu negócio seja mais facilmente encontrado pelo seu lead que vai buscar por esse conteúdo. 

Ou seja, você não precisa ir em busca do lead, pois esse lead tem uma necessidade e irá buscar a solução para ela.

Para trabalhar o Inbound Marketing é necessário:

  • Criar conteúdo de valor: é necessário entender quais são as dores e também as necessidades do seu público-alvo.

  • Escolher um canal: tenha a certeza de que o seu público-alvo está presente para se certificar de que ele receberá ou encontrará aquela informação, pode ser blogs, redes sociais e landing page.

  • Entender sobre marketing de conteúdo: o carro chefe do Inbound Marketing é o Marketing de Conteúdo, e ele contempla cinco etapas distintas como atração, conversão, relacionar, vender, analisa

Para o Inbound Marketing existem muitas ferramentas que podem ser utilizadas, por isso é importante que você tenha certeza de que o seu público está presente naquele canal.

Mas uma estratégia que é muito utilizada é a construção de Landing page, que nada mais é do que uma página de captura,  para conseguir mais informações sobre um lead dados como e-mail, nome, onde esse lead trabalha, e oferecer a ele em troca dessas informações um material rico.

Material rico, pode ser um ebook, por exemplo, com informações importantes sobre algo que o seu lead demonstra ter interesse. 

Com o e-mail do possível lead em mãos, é mais fácil de enviar mais conteúdos que sejam interessantes e conduzi-los para o próximo passo do funil de vendas.

Para a construção de landing pages, utilizam-se ferramentas como o E-goii.

O E-Goi  é uma plataforma gratuita, que permite que você economize tempo na hora de criar a sua Landing Page.

Ele conta com centenas de templates prontos para você editar e utilizar como você quiser, além de permitir que você tenha um acesso multicanal para aumentar a divulgação da sua Landing Page. 

Se você ainda está em dúvida de como aplicar o Inbound Marketing vamos conhecer mais estratégias que estão relacionadas ao longo deste artigo.

E-Goi - solução completa de automação e email marketing

2. Marketing de conteúdo

O Marketing de conteúdo é uma das estratégias de Marketing Digital mais populares por quem busca conquistar seu espaço no ambiente virtual.

Ela é capaz de entregar resultados relativamente rápidos e também eficientes, pois sabe-se que os consumidores usam a internet diariamente para encontrar soluções através dos mecanismos de busca.

E se o Inbound Marketing visa atrair o público para que ele encontre o seu negócio, o objetivo principal do Marketing de conteúdo é educar o seu público,

Ou seja, é permitir que eles tenham acesso a informações suficientes sobre um tema, produto ou serviço para que levem menos tempo para tomar uma decisão de compra.

Através do Marketing de conteúdo é possível ver um encurtamento do ciclo de vendas.

Também pode ser utilizado em diferentes etapas do funil de vendas, permitindo que o cliente avance as etapas até gerar uma conversão.

O Marketing de conteúdo também pode ser agregado a outras estratégias de Marketing, podendo ser aplicado em blogs, redes sociais, campanhas de e-mail marketing e outros.

Para aplicar o Marketing de conteúdo ao seu negócio é preciso:

  • Conhecer as etapas do funil de vendas: Como é o funil de vendas da sua empresa e quais são as etapas que um lead passa até uma conversão.

  • Definir personas: Saber buscar os interesses do seu público.

  • Escolher um canal: o canal deve ser aquele que o seu público frequenta.

  • Criar conteúdo de valor nas diferentes etapas do funil: para que você possa conduzir os seus leads através do funil de vendas.

Se você quer saber mais sobre Marketing de conteúdo, considere adquirir o curso Treinamento Máquina de Conteúdo.

Ele é um curso completo, com 12 módulos para você aprender a aplicar conteúdo nas diferentes estratégias de Marketing digital.

Aprenda a utilizar o Marketing de conteúdo em campanhas de e-mail, blogs e no mercado de afiliados com quem mais entende do assunto.

E não esqueça que o mais importante no marketing de conteúdo é transmitir valor para a sua audiência.

O Marketing de conteúdo também está envolvido na estratégia de  SEO, que é uma estratégia que apresentaremos mais adiante. 

Imagem vetorizada de uma equipe analisando estratégias de marketing

3. Blog

O blog é um canal de comunicação, mas também pode ser considerado uma potencial ferramenta dentro do Marketing de conteúdo.

Essa ferramenta é amplamente utilizada nas estratégias de Marketing digital e em conjunto com o Marketing de conteúdo.

É através desse canal que é possível comunicar e informar o seu público-alvo sobre os assuntos que são relevantes para ele por meio de publicações,  como já comentamos nas estratégias anteriores.

E  ele é uma importante estratégia para quem construir um site e ser mais facilmente encontrado pelos mecanismos de busca.

Você provavelmente já deve ter reparado que a maioria das empresas possui um site institucional com uma sessão chamada blog.

E que o blog não aborda apenas assuntos relacionados aos produtos ou serviços em questão, mas temas gerais.

É muito provável que o objetivo principal dessa empresa seja utilizar as estratégias de Marketing de conteúdo para conduzir o público através do funil de vendas e SEO para que o público encontre os conteúdos atuando na divulgação orgânica dos seus negócios.

Para criar o seu blog você pode utilizar plataformas como o Wix.

O Wix é um construtor de sites, blogs e ecommerce que permite que você construa o seu blog em poucos minutos mesmo sem ter conhecimento em design.

Além de um construtor de layouts amigável, ele conta com um sistema de inteligência artificial que constrói um site personalizado em poucos segundos, ou você pode optar pela centena de temas prontos oferecidos pela plataforma.

Pois, ele conta com elementos que permitem transformar o design do seu blog em um blog responsivo permitindo que o seu público tenha maior acessibilidade.

Construa um blog para o seu site e comece a investir em marketing de conteúdo e também SEO aumentando o tráfego orgânico do seu site.

4. Site Institucional

A construção de um Site institucional deve ser um dos primeiros passos para quem deseja iniciar no ambiente digital

O site institucional é uma página na web, onde você disponibiliza dados sobre a sua empresa como histórico, informações de contato, equipe, produtos e serviços.

Ele funciona como uma referência para os seus clientes, é onde o seu negócio pode conquistar credibilidade e mostrar que você é confiável.

Apesar das redes sociais também possuírem um papel importante na conquista de credibilidade, nada se compara com um site.

Por isso, é importante que você crie o seu site e o utilize para divulgar informações sobre a sua empresa, termos, e também disponibilizar um atendimento ao cliente adequado. 

Ter um site, permite que você invista em tráfego pago, que são os anúncios do Google, para que ele apareça em mecanismos de busca.

Dessa forma, mais pessoas podem encontrar o seu site.

Para construir um site para a sua empresa basta escolher uma plataforma como o Wix.

O construtor de sites do Wix é bem parecido com o construtor de blogs, e a plataforma permite que você tenha um blog dentro do seu site.

Assim você pode ter um maior controle das atividades de ambas as páginas.

Crie seu site com a Wix

5. Redes sociais

As redes sociais também são as queridinhas por quem utiliza o Marketing de conteúdo é uma das estratégias de marketing digital mais utilizadas, pois elas possuem um grande volume de acessos diários. 

A estratégia de utilizar as redes sociais objetiva reforçar a sua presença digital,  trabalhar o branding e criar relacionamento com o seu público através desses canais de comunicação.

Dentre as redes sociais mais utilizadas para divulgar produtos e serviços na internet podemos citar o Facebook, o Instagram, Youtube e o Linkedin.

E nelas são compartilhados conteúdo de valor para divulgar a marca e fazer com que o público busque interagir com ela.

Também é possível veicular anúncios patrocinados, pagos, para levar mais tráfego e aumentar o alcance das publicações. 

Para utilizar a estratégia de redes sociais, você precisa:

  • Conhecer o seu público-alvo: Conhecer quem é esse público, quais são os seus principais interesses e como eles interagem com as redes sociais dos seus concorrentes. 
  • Defina um objetivo: É importante antes de definir qual estratégia você irá aplicar definir qual é o seu objetivo dentro dessa rede social, alcançar um público maior? Trabalhar em relacionamento?

  • Encontre qual é a rede social que o seu público-alvo está inserido: Para que a sua comunicação seja certeira é necessário que você marque presença onde o seu público-alvo está inserido.

  • Crie um perfil na rede social: Tenha um posicionamento forte e marcante para se diferenciar dos seus concorrentes, permitindo que o público identifique e reconheça sua marca. 

  • Comece a trabalhar o Marketing de conteúdo: Pesquise pelos seus concorrentes e observe o que eles publicam em suas redes sociais, tente criar conteúdos mais interessantes e diferentes para conseguir atrair o seu público.

  • Divulgue: Se você já tem outros canais pelos quais você se comunica com o seu público, divulgue o seu perfil. Quanto mais engajamento suas publicações tiverem melhor.

  • Monte um calendário editorial: Mantenha a sua rede social ativa, divulgue conteúdos criativos para que os seus clientes mantenham o interesse no seu negócio.

  • Analise as métricas: Lembra que mencionamos no início desse artigo sobre a importância das métricas? Pois bem, as redes sociais possuem ferramentas que permitem que você realize diversas análises dentro da plataforma.

Se você quiser utilizar o Instagram para trabalhar o Marketing de Conteúdo, o SocialGram é uma ferramenta que permite que você faça o agendamento das suas publicações.

Dessa forma você não precisa se preocupar em publicar todos os conteúdos todos os dias, além disso, o SocialGram, apresenta um painel otimizado para facilitar a análise das métricas e dos seus resultados.

Para que seus conteúdos tenham maior engajamento aprenda a como anunciar no Instagram, como utilizar as hashtags e também os demais recursos da plataforma.

6. Email marketing

O email marketing é uma das estratégias de Marketing Digital cujo objetivo é enviar emails com finalidade comercial para o seu público-alvo, ele contribui para as suas vendas e também para o fortalecimento da sua marca.

Lembra quando mencionamos o Inbound Marketing e a criação de Landing Page para capturar dados de prováveis leads?\ \ O email é um dado muito importante em termos de Marketing, pois você pode mandar conteúdo para os seus clientes e fazer com que eles realizem uma ação ou avancem no funil de vendas.

Através do email marketing, você é capaz de criar listas personalizadas de acordo com a etapa do funil de vendas em que o seu público se encontra.

E ainda é possível trabalhar com a segmentação de diversos fatores como: taxa de abertura de e-mails, taxa de resposta, downloads de material e outros.

No entanto, só é possível mensurar esses dados com base no uso de ferramentas de automação como o SendinBlue.

Elas permitem que você utilize recursos como E-mail marketing, construa Landing page e divulgue seus produtos.

Com o SendinBlue você cria um email único e profissional, em pouco tempo utilizando a galeria de modelos ou criando um design a partir do zero. 

Permite também que você faça testes a/b para definir estrategicamente qual é a mensagem que agrada mais o seu público-alvo. 

Para criar uma campanha de e-mail marketing você precisa:

  •  Construir uma lista de e-mails: Utilize páginas de captura para obter os dados.

  • Utilize o SendinBlue:  para criar a sua landing page e oferece seu material rico

  • Ofereça um material rico para os seus leads: pode ser um ingresso para um webinar ou até mesmo um ebook, desde que eles se sintam estimulados a deixar seus e-mails de cadastro.

  • Segmente suas listas com base em cada etapa do funil que seus leads se encontram:

Para saber a etapa do funil é necessário monitorar o conteúdo que despertou interesse do seu público. 

  • Comece a ofertar conteúdos para os seus clientes: lembre-se que o conteúdo deve conduzi-los para a próxima etapa do funil de vendas. 

Você ainda pode apostar em utilizar diferentes tipos de email de acordo com o objetivo da sua estratégia:

  • Emails informacionais: Visam levar informações relevantes para o leitor. Nesse caso você pode informar promoções, lançamentos de produtos ou também eventos. É um e-mail curto onde as informações são enviadas até mesmo no título da mensagem. 

  • Emails de nutrição: São aqueles que têm influência sobre o leitor, como já mencionamos, conduzem o leitor a outra etapa do funil de vendas. Esses emails devem ser focados em oferecer os conteúdos disponíveis no seu blog.

  • Email educacional: São focados em atender as necessidades do seu cliente e por isso requer um vasto conhecimento de público-alvo. Selecione as publicações mais relevantes para o seu público.

  • Emails Transacionais: São focados na conversão do usuário. São emails diretos com um bom CTA e um link direto para onde você deseja levar o consumidor.

  • Newsletter: Emails ricos em conteúdos, informativos, divulgação de materiais ou que permitam o diálogo com a sua base.

Imagem vetorizada de duas pessoas competindo pela melhor estratégia de marketing digital

7. SEO ( Search Engine Optimization)

Para quem deseja trabalhar com Marketing de conteúdo e utilizar como canal os blogs, trabalhar com SEO é inevitável. 

SEO é Search Engine Optimization, traduzido para o português significa “otimização para mecanismos de busca”, ela é uma estratégia que deve ser trabalhada a longo prazo. 

São os parâmetros SEO que determinam em qual posição o seu artigo será indexado pelo Google.

Ou seja, quando um lead ou um provável cliente utilizar o Google para procurar uma informação.

O Google irá retornar para ele uma lista de artigos que ele considera os melhores ou os mais relevantes para as palavras-chave que foram inseridas no buscador. 

Já é de conhecimento geral que os 3 primeiros artigos são os que recebem mais cliques, e para estar nessa posição é necessário trabalhar SEO.

Alguns dos parâmetros de SEO se baseiam nesses dois fatores de ranqueamento:

  • SEO On Page: são otimizados diretamente através das páginas do seu blog como o título da sua publicação, a meta descrição, linkagem interna, conteúdo e palavras-chave. 

  • SEO Off Page: Fatores como tempo de carregamento do seu site, parâmetros de segurança, links recebidos também influenciam no ranqueamento do seu site.

Você precisa trabalhar nesse e em outros parâmetros para que o artigo do seu blog possa ser indexado em uma posição boa e permitir que você tenha maior visibilidade.

SEO é uma estratégia de tráfego orgânico e por isso você deve investir em buscar as melhores palavras-chave, que são assuntos que vão direcionar o seu marketing de conteúdo.

Para isso você precisa se colocar no lugar do seu público-alvo e pensar “Como o meu produto pode ser encontrado?” 

O próprio buscador do Google traz sugestões de palavras que são mais pesquisadas quando você inicia a sua busca, mas você também pode utilizar o planejador de palavras-chave do Google. 

Para saber o volume de busca de palavras-chave pesquisado no Google, você pode utilizar a ferramenta planejador de palavras-chave do Google

8. Guestpost

Guestpost é uma estratégia de Marketing digital que envolve utilizar as estratégias de marketing de conteúdo e SEO.

O Guestpost é uma estratégia para quem deseja investir no marketing de conteúdo cujo objetivo é criar backlinks para o seu blog.

Backlinks são menções ao seu site a partir de sites de outros domínios o que acaba gerando ainda mais autoridade para e possui bastante relevância para o ranqueamento.

Pois o Google costuma levar em consideração quando o seu site é mencionado por outros sites que já possuem autoridade.

Mas é claro que ao publicar no blog de um conhecido, você também vai permitir que ele publique no seu, logo o benefício em utilizar essa estratégia é mútuo.

E fique atento, pois para que essa estratégia funcione o público de ambos deve ser relativamente semelhante. 

É uma ótima estratégia para você divulgar os seus produtos e serviços. 

9. Anúncios pagos

Quando você trabalha SEO, você está  investindo em tráfego orgânico, mas ele não é a única maneira de gerar mais tráfego para o seu site.

Para que você possa alcançar resultados mais rapidamente você pode investir  em links patrocinados. 

É possível veicular anúncios na rede de pesquisa através de ferramentas como os patrocinadores Google Ads, e o Microsoft Advertising  para que o seu site apareça nas primeiras posições dos respectivos buscadores.

Esses mecanismos utilizam, em sua maioria, cobranças no estilo Pay Per clique, onde você só é cobrado caso algum usuário clique no seu anúncio.

Ainda é possível também fazer anúncios mais visuais para atraírem a atenção do público utilizando banners elaborados que serão exibidos através da rede de display. 

A rede de display é exibida em sites parceiros desses patrocinadores e permite que você escolha qual o segmento de sites que seus anúncios devem ser exibidos através dessa rede.

Também é possível realizar campanhas de remarketing, observe o nosso exemplo a seguir para entender como funciona o remarketing

Aposto que você já se deparou com a seguinte situação.

Você acessou determinada página de um site, e então saiu, de repente, todos os anúncios que aparecem no site que você visita são anúncios do site ou daquele produto que você estava pesquisando anteriormente.

Isso é uma campanha de remarketing que acontece dentro da rede de display do Google.

Para que o usuário lembre de visitar o seu site, e não esquecer que ele já apresentou interesse por determinado produto.

Essas campanhas geralmente têm duração definida. E são muito úteis principalmente para aqueles usuários que abandonaram o carrinho de compras.

Além da rede de Display, é possível anunciar  pelo Youtube através do Google Ads, em aplicativos de dispositivos móveis, Google shopping para quem possui um ecommerce.

Nas redes sociais também é possível anunciar e gerar tráfego para o seu site, engajamento para as suas publicações ou  até mesmo mensagens.

Mas esteja atento, pois para usar a estratégia de mídia paga é preciso: 

  • Investir em copywriting
  • Fazer anúncios que atraiam a atenção do seu público-alvo
  • Utilizar CTAs (call to action) e os gatilhos mentais.

Por isso, não esqueça de investir em designs bonitos e que atraiam a atenção do seu público.

Se você pretende investir em anúncios nas redes sociais e não conhece nada sobre Design para fazer artes criativas e profissionais.\ \ Não se preocupe, pois o Canva é uma ferramenta de utilização fácil e que permite que você crie designs diferentes e profissionais mesmo sem ter conhecimento de Design.

Ele conta com milhares de templates prontos para você escolher e editar como você preferir .

Ou você também pode fazer seus próprios templates e utilizar as diversas ferramentas de edição que essa plataforma.

Apesar de possuir plano pago, o Canva possui alguns recursos gratuitos para você testar a plataforma.  

Crie imagens profissionais gratuitamente com o Canva

10. Marketing de Influencia

Apresentamos algumas estratégias de Marketing Digital,  e com certeza no ambiente digital você já ouviu falar dos famosos influencers digitais.

Saiba que você pode realizar parceria com esses influenciadores e através deles divulgar seus produtos e serviços.

Eles são ótimos decisores de compra, pois inspiram mais confiança no público e servem como prova social para os seus futuros clientes.

Pois ver alguém em que eles confiam utilizando um produto ou serviço inspira confiança e confere autoridade para a sua marca.

Para fazer uma parceria com um influenciador é preciso buscar alguém que tenha ideais parecidos com o que a sua marca representa para o público, ou a parceria pode acabar tendo um resultado negativo.

Existem várias maneira de fazer parcerias com influenciadores digitais:

  • Enviar o produto como presente, para fazer reviews

  • Uso do seu produto em algum vídeo, live ou foto

  • Fazer parte dos produtos recebidos

Imagem de duas pessoas aplicando estratégias de marketing digital

11. Youtube

Fazer vídeos no Youtube é uma ótima oportunidade para você utilizar em conjunto com a estratégia de Marketing de conteúdo. 

Diferentemente das redes sociais, quando uma pessoa acessa o Youtube ela já está disposta a gastar algum tempo assistindo um vídeo que é um pouco mais extenso, e você pode tirar vantagem disso.

De uma maneira geral os vídeos são mais aceitos do que imagens ou textos, pois despertam maior interesse do público. 

Além disso, os vídeos são materiais dinâmicos de fácil compartilhamento e consumo permitindo que você seja ainda mais próximo dos seus clientes.

Dessa forma, é possível você investir em criar um canal no Youtube para criar conteúdos que sejam interessantes ao seu público-alvo solucionando suas dores e necessidades.

Para investir nessa estratégia é necessário:

  • Planejamento de conteúdo

  • Estudo de público-alvo

  • Um bom espaço e iluminação

  • Uma câmera de qualidade

  • Um bom microfone

  • Carisma

E também é essencial que você tenha um bom editor de vídeo, como o Movavi.

O Movavi é um editor de vídeo intuitivo, e prático para você criar seus conteúdos e fazer upload no Youtube.

Crie histórias e conteúdos que cativem o seu público-alvo adicionando efeitos, transições e até mesmo fazendo recorte nos seus vídeos.

Um vídeo bem editado e com qualidade profissional só tem a ganhar pontos com o público. 

12. Webinars

Webinar é um tipo de seminário virtual que pode ser utilizado como uma das estratégias de marketing digital para atrair leads e nutrir leads.

Os eventos nos webinars acontecem ao vivo, e é possível disponibilizar os conteúdos apresentados posteriormente. 

Ele é importante, pois ele permite que você interaja com o seu público, criando um relacionamento mais próximo. 

Funciona mais para o modelo de negócios B2B, onde é necessário conhecer melhor cada um dos seus clientes.

Para você aplicar essa estratégia basta:

  • Estudar temas relevantes para a audiência

  • Planejar e escrever o conteúdo

  • Criar uma Landing page para divulgar

  • Utilizar anúncios pagos na divulgação

  • Escolher uma plataforma de transmissão online

Entre as plataformas mais utilizadas para realizar eventos virtuais podemos citar o próprio Youtube, ferramentas como o Google Meets, Zoom e também o Microsoft teams.

No mercado, atualmente essa é uma estratégia muito utilizada quando se deseja adquirir, dados como o e-mail de um lead.

 E posteriormente iniciar as campanhas de e-mail marketing para conduzi-lo através do funil de vendas.

13. CRO

CRO é uma estratégia das estratégias de Marketing Digital que permite que você otimize a conversão dentro do seu site. 

O objetivo do CRO é fazer com que você identifique qual etapa do funil de vendas ainda precisa ser ajustada para garantir que o lead possa virar uma conversão.

O CRO, ou Conversion rate optimization, é uma estratégia bastante trabalhosa e leva tempo até que você possa executar os ajustes necessários e realmente observar o resultado.

Para fazer o uso dessa estratégia você precisa seguir algumas etapas como:

  • Instalar no seu site ferramentas que permitem a instalação de aplicativos que monitorem os usuários em diferentes sites e blogs ao mesmo tempo

  • Rastrear os usuários, avaliar as métricas e identificar qual parte do funil precisa ser ajustada. As métricas como conversão, número de leads, número de clientes, lucro, custo de aquisição por cliente são muito importantes.

  • Defina um tamanho amostral que seja relevante utilizar na análise das métricas.

  • Elabore suas hipóteses e crie testes para comprová-las. Leve apenas as melhores hipóteses adiante.

  • Continue trabalhando nas suas hipóteses, analisando os seus resultados para otimizar ainda mais as suas conversões. 

O Google Tag Manager é a ferramenta que você pode instalar no seu site para fazer um acompanhamento de cada usuário que visita o site.

Também é possível utilizar ferramentas de CRM para garantir de manter dados mais informativos e conhecer em qual etapa do funil de vendas cada lead se encontra.

O Freshsales, por exemplo, é uma ferramenta que permite que você armazene os principais dados dos seus clientes e ainda tenha acesso a relatórios inteligentes para otimizar as suas vendas.

Para que você consiga aplicar a estratégia de CRO ao seu negócio.

Imagem de uma pessoa utilizando anúncios pagos como estratégia de marketing digital

14. Atendimento Online

O atendimento online é uma estratégia muito importante para um negócio no ambiente digital.

Ele objetiva trabalhar o relacionamento com seus clientes, a imagem do seu negócio e também a reputação do seu negócio contribuindo para que você ofereça atendimento qualificado.

Como consequência você garante clientes mais satisfeitos e têm a oportunidade de gerar mais vendas. 

Para que você consiga aplicar essa estratégia ao seu negócio é necessário ficar atento:

  • Defina os canais com fácil acesso para os seus clientes

  • Instale um chat online no seu site para incentivar a comunicação

  • Invista em chatbot para garantir um atendimento 24 horas por dia

  • Aposte nos convites proativos para iniciar uma conversa com o usuário

  • Personalize o atendimento, saiba com quem você está falando

  • Integre todos os seus canais de comunicação em um só lugar

  • Treine suas equipes de suporte para oferecer um atendimento humanizado

Se o atendimento é uma das suas estratégias de Marketing digital, não esqueça de conhecer o JivoChat, pois a plataforma conta com diversos recursos para você investir no seu atendimento online.

Com o JivoChat você tem acesso a CRM, envio de convites pró-ativos, chatbot e integrar os seus canais de atendimento com o Instagram, Facebook Messenger e o Whatsapp Business.

Garanta que o seu cliente possa ter um canal de comunicação confiável e elimine todas as suas dúvidas.

                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                               Banner de integração do JivoChat com Instagram                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                      

15. Marketing de Afiliados

No ambiente virtual em quantos mais espaços você estiver presente e marcar presença para o seu público-alvo melhor!\ \ Por isso, você pode contar com a estratégia de Marketing de afiliados para trabalhar a divulgação dos seus produtos ou serviços.

Com essa estratégia você permite que outras pessoas passem a divulgar os seus produtos ou serviços e paga uma comissão a cada venda efetuada.

Na prática só é preciso ter um infoproduto para poder participar do programa e encontrar uma plataforma para se associar. 

Através de um link personalizável você pode controlar quantas pessoas tiveram acesso a aquele link e também quantas conversões foram realizadas.

Para acompanhar esse processo basta utilizar um software específico como o Tapfiliate que permite que você monitore os seus afiliados tendo assim um maior controle das suas vendas.

16. Automação de Marketing

A automação de marketing, também é uma estratégia bastante utilizada principalmente em grandes empresas.

Ela consiste na utilização de softwares específicos  que automatizam processos básicos e repetitivos, tornando a sua atuação no marketing mais fácil operacional através da criação de fluxos de trabalho e de comunicação.

Assim é possível que você segmente a sua base de clientes com base no seu perfil, comportamento e ação dentro do site. 

Elabore as suas campanhas de email marketing, trabalhe o marketing de conteúdo e também otimize suas estratégias.

Mas lembre-se que para utilizar esses softwares você precisa desenvolver a sua estratégia e escolher a sua ferramenta de automação de marketing.

A RD Station é uma das ferramentas mais utilizadas no mercado brasileiro.

Com o RD Station você pode focar em recursos como atração de leads através da realização de anúncios nas redes sociais e otimização de SEO.

Também possui recursos que permitem que você atue na conversão desses leads, relacionamento e também na análise de resultados.

É uma ótima ferramenta para você que deseja iniciar no mercado digital e aplicar as diferentes estratégias de marketing digital que abordamos ao longo deste artigo.

17. Co-marketing

O Co-marketing é uma estratégia entre duas empresas de nichos semelhantes estabelecem parceria para criar algo impactante para esses públicos, o detalhe é que sem a colaboração essas empresas não conseguiriam fazer isso sozinhas.

Entre as atividades que podem ser elaboradas em um co-marketing podemos citar: 

  • Webinars
  • Ebooks
  • Criação de infográficos
  • Integrações entre os produtos

Além de alcançarem públicos maiores, permite que ambas as empresas conquistem autoridade no mercado.

Para fazer uso da estratégia de Co-working é necessário:

  • Escolher uma boa parceria: Você deve analisar se a sua parceria tem uma audiência relevante, se produz conteúdo de qualidade e se ele é visto como referência dentro do mercado.

  • Planejamento: Pode ser difícil encontrar espaço na agenda dos organizadores para que possam acertar os detalhes, por isso é importante elaborar um planejamento.

  • Facilite o trabalho: Se foi a sua empresa quem convidou a outra empresa nada mais justo do que ser tolerante.

  • Especifique os benefícios e deixe claro os termos: Para que não haja desentendimentos, é sempre bom deixar claro o que ambas as partes irão oferecer nesse projeto em conjunto. 

18. Landing Page

Por último, mas não menos importante, para você que ainda não entendeu qual é o funcionamento de uma Landing page.

A Landing Page é uma página de destino e o seu objetivo principal é converter os visitantes.

A conversão não precisa ser necessariamente uma compra, mas ela pode ser obter dados de um usuário ou simplesmente fazer com que ele se registre no seu site.

A vantagem de utilizar as Landing page é que por serem páginas específicas, elas capturam a atenção do usuário ajudando eles a manter o foco no que realmente é interessante.

Por isso, as Landing page devem deixar de lados elementos como menus, excesso de texto e informação.

E como já mencionamos ao longo do texto, para incentivar o usuário a preencher seus dados, você pode oferecer um material rico como um ebook, infográfico, planilhas e templates.

Ou qualquer outro material que seja relevante o suficiente para ele queira inserir os dados na sua Landing page.

A estratégia de Landing page é associada com a estratégia de E-mail marketing, pois com os dados do seu lead é mais fácil oferecer conteúdo para conduzi-lo pelo funil de vendas.

Para que a sua Landing page possa realizar conversões é necessário que ela contenha alguns elementos básicos:

  • Uma boa oferta:  Como já foi mencionado é necessário ofertar algo que seja interessante o suficiente para que o seu lead queira deixar os dados com você. 

  • Conteúdo relevante: Para se destacar o seu conteúdo dentro da Landing page precisa ser algo único e que o seu lead tenha certeza de que não vai encontrar em outro lugar.

  • Título: O título deve ser chamativo, simples, compreensível, e fazer jus a sua oferta.

  • CTAs: Os call to action são os botões que irão conduzir o leitor a realizar uma ação. Para cadastros, por exemplo, pode-se utilizar “cadastre-se aqui”. Mas você pode utilizar outros.

  • Descrições: Passe uma descrição sucinta e também objetiva sobre o conteúdo que está sendo apresentado na sua Landing page.

  • Conteúdo visual: É necessário que a sua Landing page tenha um design profissional, o texto e os elementos  como as imagens precisam estar em locais estratégicos.

  • Formulário: E não esqueça do formulário, faça um formulário solicitando as informações que são relevantes para você.

E para finalizar não esqueça de escolher uma hospedagem para a sua Landing page, já citamos algumas ferramentas no artigo como o Sendinblue, o Rd Station e até mesmo o Wix permitem que você faça as suas landing pages com facilidade.

Aplique as estratégias de marketing digital ao seu negócio

Nesse artigo apresentamos quais são as principais estratégias de marketing digital utilizadas e quais são as ferramentas necessárias para que você possa aplicá-las ao seu negócio.

É necessário estudar sobre marketing digital para que as suas estratégias sejam bem sucedidas e para que você possa ver resultados positivos no seu negócio.

Boas vendas!

Início Blog Marketing 18 Estratégias de Marketing digital
Se você curtiu esse artigo você também pode gostar desses ...
Comece a usar o JivoChat hoje!
Gostou do que leu?
Cadastre-se e teste o JivoChat agora mesmo!
É grátis e só leva alguns minutos para fazer o download