O que é Inbound Marketing?

Índice

O marketing é uma estratégia de vendas que sempre funcionou capturando a atenção de pessoas para mostrar um serviço ou produto e suas principais vantagens. Contudo, as mudanças abruptas e constantes que o meio digital causou ao comportamento dos consumidores obrigaram as marcas à se adaptarem.

Hoje, apenas ofertar soluções não é o suficiente. Afinal, uma grande parte destes “novos” consumidores enxerga negativamente as interrupções causadas em seu dia a dia por métodos tradicionais de marketing. A maneira com estas pessoas escolhem o que irão consumir e como compram é diferente.

Comunicações que não levam suas necessidades, dores e desejos não são efetivas. É preciso envolver e encantar seus clientes. O Inbound Marketing surgiu a partir desta necessidade. O termo estrangeiro pode ser traduzido de forma literal como “marketing de entrada”, também conhecido por Marketing de Conteúdo e Marketing de Atração.

Isso porque estas novas práticas utilizam técnicas para abordar o público de uma maneira mais livre e menos intrusiva.

Para alcançar o sucesso com esta categoria de marketing é preciso desenvolver estratégias que atraiam pessoas que realmente desejam sua solução. É preciso usar materiais que explicam a importância dos seus produtos, suas vantagens e até mesmo as formas corretas de utilizá-los.

Confira o nosso artigo e aprenda mais sobre esta estratégia para gerar resultados em seu negócio.

O que é Inbound Marketing?

O Inbound Marketing ou Marketing de Conteúdo é a junção de técnicas e estratégias criadas para compartilhar conteúdos específicos para que um público-alvo seja impactado durante suas buscas na internet.

Para questa estratégia seja efetiva, é preciso produzir materiais de alta qualidade para diferentes canais de mídia, como as redes sociais, blogs, YouTube, entre tantos outros.

Esta é uma forma com que seu negócio pode conquistar a atenção de pessoas com interesses relacionados ao seu conteúdo. Desta maneira, elas podem ser auxiliadas e encantadas pelo material produzido, aprendendo mais por conta própria sobre sua área de atuação e soluções, aumentando a chance de se tornarem clientes e serem fidelizados.

É preciso entender que o principal objetivo desta estratégia é conquistar um público qualificado, que já tenha demonstrado interesse em suas soluções, seja através das redes sociais ou pesquisas realizadas no Google.

Por tanto, o conteúdo criado não tem como foco atrair a atenção de um público gera, mas sim segmentar seus esforços na parcela correta do público. Contudo, executar este plano não é algo tão simples.

Primeiro, é preciso conhecer bem o perfil do seu público e seus principais interesses. Assim, será possível produzir materiais que os agradem e gerem tráfego para seu site, criando a oportunidade de converter visitantes interessados em leads.

Quanto maior for a qualidade do conteúdo, aliado a boas estratégias, maiores serão as chances de conquistar novos clientes.

Equipe trabalhando em Inbound Marketing

Como o Inbound Marketing surgiu?

Os conceitos adotados por esta categoria de marketing já eram praticados inconscientemente por profissionais há anos, mesmo sem um nome ou classificação. Afinal, não é algo novo manter o foco de sua estratégia em levar conteúdos relevantes aos seus consumidores.

Ao unir diversas práticas e métodos com este objetivo, o cofundador da empresa Hubspot, Brian Halligan, usou o termo pela primeira vez em 2006.

Contudo, os princípios destas estratégias já praticadas há muitos anos foram reunidas no livro “Marketin de Permissão” (Permission Marketing) escrito pelo profissional norte-americano Seth Godin no ano de 1999.

Apesar de sua origem preceder a popularidade da internet, hoje, o termo Inbound Marketing é diretamente associado ao Marketing Digital. O principal fator responsável por esta associação é a mudança no comportamento dos consumidores.

Antigamente, as pessoas não tinham controle sobre como iriam consumir conteúdo. A comunicação era unilateral. Hoje, qualquer um pode escolher seus canais e formas preferidas de consumir conteúdo.

Por isso a estratégia de Marketing de conteúdo é tão importante. Ao entender o que estes consumidores querem consumir, uma empresa pode elaborar diversos de acordo com estes desejos, tornando suas opções mais atrativas.

Como o Inbound Marketing funciona?

O Inbound Marketing é usado para transformar consumidores em clientes e clientes em divulgadores da sua marca. Porém, para que isso aconteça, é preciso construir uma estrutura de produção de conteúdo relevante para seu público.

Mantenha o foco no tempo, lugar e qualidade para obter bons resultados. É preciso entregar um bom conteúdo, no momento em que o consumidor está interessado e em seu canal preferido, este é o atalho para produzir um material relevante.

Desta maneira, é possível gerar tráfego para seu site através de conteúdos produzidos e compartilhados nas redes sociais. Sua estratégia também pode usar chamadas para ação nestes materiais com o objetivo de levar o público a formulários, newsletters, cupons e outras opções para transformá-los em leads.

Por fim, é preciso registrar os dados de suas campanhas em relatórios. Desta forma será possível analisar suas métricas e entender quais estratégias funcionam e quais aspectos precisam ser revisados ou melhorados.

Qual sua diferença com o Outbound Marketing?

Entenda melhor as diferenças entre as duas formas de marketing.

Outbound Marketing

O Outbound Marketing pode ser considerado o marketing tradicional. Geralmente usa práticas como anúncios, presenças em eventos, contato direto por telefone, envio de SMS, envio de email, entre outras opções.

Em suas campanhas, estas diversas ações são utilizadas em conjunto, algo que pode dificultar a mensuração dos resultados. Além disso, este tipo estratégia geralmente é mais cara por focar em um público maior com anúncios feitos em grandes mídias offline, como TV, rádio, revistas e jornais.

Isso torna a comunicação unilateral, dificultando interações e engajamento do público. Afinal, a abordagem pode ser realizada em qualquer etapa da jornada do cliente, inclusive em momentos em que os consumidores não estão prontos.

Esta interrupção no material que está sendo consumido pode criar frustrações e fazer com que a comunicação não gere resultados.

Podemos resumir o Outbound Marketing ao uso de estratégias tradicionais que miram uma grande parcela do público para obter seus resultados.

Inbound Marketing

O Inbound Marketing reúne estratégias que visam proporcionar uma boa experiência aos clientes. Através do conteúdo, proporciona aos negócios a oportunidade de responder dúvidas e interagir com o público, gerando um diálogo através de seus canais.

Este método de marketing propõe uma comunicação livre, isso proporciona aos consumidores e marcas a oportunidade de iniciar interações a qualquer momento.

As mensagens usadas no conteúdo são enviadas de forma contínua e muitas vezes indireta. Isso significa que podem ser consumidas no momento mais propício, sem interromper as vontades dos consumidores.

Por fim, gera mais engajamento por se tratar de uma relação construída com base na confiança gerada pelo conteúdo de valor que é compartilha de uma maneira não intrusiva.

Vantagens de fazer o Inbound Marketing

Após entender melhor o que é o Marketing de Conteúdo é hora de conhecer as principais vantagens que esta estratégia pode trazer para o seu negócio.

Vantagens do Inbound marketing

Sua marca chega no público certo

Produzir conteúdo de qualidade, que conversa diretamente com seu público e divulgá-lo nos canais corretos é uma tática que aumenta a probabilidade de alcançar consumidores com interesse nas suas soluções.

Segundo pesquisas feitas pela HubSpot, cerca de 59% dos profissionais de marketing afirma que o uso de estratégias de inbound geram leads de melhor qualidade para as equipes de vendas. Criar materiais que geram valor e postá-los com frequência é uma ótima maneira de atrair estes leads com maiores chances de serem convertidos.

A quantidade do conteúdo produzido também é relevante. Segundo o estudo Content Trends 2017, empresas que usam o Marketing de Conteúdo alcançam 2,2 mais consumidores do que negócios que não utilizam esta estratégia. Ou seja, o conteúdo é uma forma de gerar mais tráfego de qualidade.

Contudo, é preciso estar ciente que a prioridade desta estratégia não é a quantidade. Um dos principais pilares do inbound é produzir conteúdo de qualidade que gera valor.

Aproxima sua marca dos clientes

Criar personas é uma das etapas iniciais do inbound. Isso ajuda o seu negócio a entender melhor quais as dores e desejos do seu público, proporcionando interações mais orgânicas e evitando a tentativa de vendas sem a criação de qualquer tipo de vínculo com as pessoas.

Esta estratégia de marketing é uma forma de tornar o público que consome seu material mais receptivo às dicas e recomendações que sejam ligadas às suas necessidades.

Ao invés de atuar como vendedores que tentam conseguir vendas a qualquer custo, o inbound desperta o desejo dos consumidores e faz com que eles busquem sua marca a partir de seus próprios interesses,

É uma forma de conquistar não apenas vendas, mas o público em cada material produzido. Isso proporciona uma relação onde interações podem ser iniciadas por ambos lados, criando um ambiente onde a fidelização de clientes se torna algo muito mais fácil.

Maior visibilidade da marca

Quando o Marketing Digital se estabeleceu, proporcionou novas formas para que o público possa conhecer novas marcas e produtos que antigamente seriam inacessíveis por diversos fatores, sendo um dos principais a limitação geográfica.

Ao produzir conteúdo digital, marcas têm a oportunidade de tornar-se referência em sua área de atuação e expandirem seus negócios além das fronteiras regionais.

Quando um bom conteúdo é produzido e pode alcançar seu público, ele será compartilhado e aumentará consideravelmente o alcance de sua marca. Negócios que antes eram limitados a vendas locais, hoje podem alcançar o país inteiro e até mesmo o mundo.

Proporciona um ciclo de vendas mais curto

O Ciclo de Vendas é o tempo gasto por uma empresa desde o contato inicial, durante todas as etapas de uma jornada, até a venda.

Ciclos maiores significam um maior custo de investimento para conquistar clientes. Isso faz com que estratégias que encurtem este ciclo sejam importantes e é exatamente isso que o Inbound Marketing faz.

Através de conteúdos altamente personalizados e relevantes para os consumidores, o Marketing de Conteúdo acelera o caminho dos leads pelo seu funil de venda, os colocando na etapa de decisão de compra com mais rapidez. Algo que proporciona mais oportunidades de venda em um período de tempo e diminui gastos.

Custos menores de aquisição

O Custo de Aquisição de Cliente (CAC) é uma das principais métricas para os profissionais de marketing e diminuir o seu valor é um de seus principais objetivos.

Campanhas de marketing tradicional geralmente tem um CAC elevado, pois contam com grandes ações e anúncios em vários canais e mídias pagas.

Já as estratégias de Inbound promovem métodos mais econômicos através da produção de conteúdo, que pode ser compartilhado em diversas mídias, atualizado e até mesmo reaproveitado para novas campanhas. Segundo o estudo Estado do Inbound, este valor pode ser até 47% mais econômico do que nas estratégias de Outbound.

Aumento do ticket médio

Lead qualificados não precisam passar por um processo de edução, isso os torna mais informados e confiantes quanto as soluções oferecidas pelo seu negócio.

O Marketing de Conteúdo oferece os recursos necessários para nutrir os clientes com informações relevantes, os tornando em leads informados antes de oferecê-los um produto ou serviço.

Mensuração ágil de resultados

Acompanhar os resultados de suas estratégias é algo fundamental para mensurar a eficácia de suas campanhas de conteúdos. Isso também é importante para conferir a quantidade de tráfego em tempo real.

Desta forma, estratégias podem ser adaptadas e melhoradas em tempo real, caso os resultados não estejam sendo alcançados.

4 etapas do Inbound Marketing

O Inbound Marketing une estratégias de criação de conteúdo com técnicas de automação de marketing para criar um processo eficiente. Com ações integradas e monitoradas por ferramentas especializadas, é possível medir e analisar seus resultados em tempo real para otimizar suas estratégias a qualquer momento.

Confira a seguir as 4 etapas que constituem esta metodologia e aprende como colocá-las em prática.

Funil de vendas

1. Atrair

Sites que não têm visitas não conseguem gerar leads. Sem leads, não será possível realizar vendas. É essencial conseguir trazer pessoas para seu site e seus canais, por isso a primeira etapa do Inbound é a atração.

Contudo, isso não significa que seu objetivo seja atrair o maior número de pessoas. Conquistar a atenção de pessoas que não estão interessadas em seu negócio e solução não trará nenhuma garantia de resultado. É por isso que, apesar de a atração ser o primeiro passo, ela deve ser feita corretamente.

Invista em visitantes que estejam interessados no que é oferecido por sua empresa. Desta forma será possível gerar tráfego qualificado, constituído por pessoas que apresentam chances reais de finalizar uma negociação com sua empresa.

Para assegurar que as pessoas atraídas possam se tornar leads e por consequência clientes, é preciso produzir conteúdos interessantes e distribuí-los em seus canais.

  • Blog: esta é a base de grande parte das estratégias de conteúdo. Através dele, é preciso produzir materiais de qualidade para seu público-alvo sempre os guiando através de sua jornada de compra. Além disso, este canal também deve ser usado para criar relacionamento com seus clientes e atestar a autoridade do seu negócio em seu segmento.

  • SEO: o Google é um dos principais métodos que as pessoas usam para buscar uma solução para seus problemas. Seu negócio pode aproveitar esta ferramenta e aparecer no momento certo para o seu público. Uma estratégia de SEO bem elaborada irá colocar seu negócio em destaque nas buscas relacionadas aos temas de suas soluções.

Fazer um site profissional e manter um blog produzindo conteúdos relevantes são algumas das principais formas de garantir seu espaço nos resultados das páginas de busca.

  • Anúncios: talvez pareça contraintuitivo, mas os anúncios são grandes aliados do Marketing de Conteúdo. Porém, precisam ser realizados no momento correto da jornada de compra dos consumidores.

A grande quantidade de opções de segmentação possibilita acertar o público e o momento exato. Dentre as categorias de anúncios, as que mais ganham destaque são links patrocinados, banners nos canais de conteúdo e anúncios nas redes sociais.

  • Redes sociais: são excelentes canais onde o compartilhamento de conteúdo é foco. Apresentam ótimas oportunidades para que sua marca possa interagir com seu público e iniciar discussões sobre problemas e soluções.

2. Converter

Conversão é uma etapa que complementa a atração. É neste momento que os visitantes devem ser transformados em leads e serem guiados pelo seu funil de vendas.

Neste contexto, a conversão é a ação de usuários entregarem suas informações em troca de algo de valor ou algum benefício oferecido por sua empresa.

Isso significa que sites com muitas visitas e poucas conversões estão cometendo erros em suas estratégias. Afinal, informações são essenciais na execução de uma boa estratégia de Inbound, pois são personalizadas para seus leads.

Algumas das ferramentas mais usadas para gerar conversão são os softwares de CRM e o CRO para gerenciar ofertas, formulários e landing pages.

3. Vender

Após atrair visitantes e convertê-los em leads, seu negócio terá um caminho promissor para guiá-los em seu funil de vendas e transformá-los em clientes. Para que isso aconteça com tranquilidade, será preciso conhecer bem quem é sua persona e utilizar uma comunicação muito personalizada.

Utilize o email marketing para manter estes consumidores interessados em sua marca. Planeje estratégias e sequências de email que possam ser disparados com ferramentas de automação de marketing. Desta forma, será possível nutrir estes leads com informações valiosas para deixá-los cada vez mais próximos de uma compra.

4. Encantar

O principal objetivo de todo este processo é guiar seus leads por sua jornada até a compra. Contudo, esta não é a única forma com que seu negócio pode ganhar através do Inbound Marketing. Após a venda, sua marca tem a oportunidade de transforma clientes em promotores de sua marca.

Para que isso seja possível, é preciso contar com um plano de pós-venda bem estruturado e de qualidade. Desta forma, satisfeitos com o resultado, seus clientes poderão indicar sua marca aos seus familiares e amigos.

Mantenha um relacionamento ativo mesmo com estes leads que já se tornaram clientes. Continue investindo em conteúdo para eles, seja para transformá-los em promotores ou para gerar novas compras. Por fim, invista no sucesso do cliente, utilizando pesquisas de satisfação e implementado estratégias que proporcionem uma ótima experiência.

Como avaliar os resultados?

O Marketing Digital conta com uma das maiores vantagens que qualquer estratégia de venda precisa: a possibilidade de medir os resultados em tempo real. A partir das informações geradas nas mais diversas plataformas de marketing online, cada ação pode ser planejada e baseada em dados para que possa alcançar seus melhores resultados.

Contudo, é preciso conhecer e saber quais sãos principais métricas que devem ser acompanhadas pelo seu negócio. Desta maneira será possível investir em soluções que geram resultados reais e expressivos em suas vendas.

Confira a seguir algumas das principais métricas que devem ser acompanhadas.

Métricas inbound marketing

Taxa de conversão

É a quantidade de consumidores convertidos. Deve ser medida a taxa de conversão tanto de visitantes em leads, quanto de leads em clientes. Analisar estes dados irá mostrar se as escolhas feitas em sua comunicação estão sendo efetivas ao gerar valor para seu público.

Conversão do funil

Ao cirar um funil de vendas, é preciso monitorar cada uma de suas etapas para descobrir se algum de seus passos apresentam problemas ou se toda a estrutura do funil precisa ser revisada.

Retorno sobre investimento (ROI)

É uma das principais métricas de marketing, pois é através dela que será possível descobrir se o seu investimento em marketing está dando prejuízo ou gerando lucro.

Descobrir qual é o ROI de sua estratégia é bem simples, basta calcular a soma dos investimentos de marketing em um determando período e compará-la com os resultados conquistados neste mesmo período.

Satisfação dos clientes

Existem diversas maneiras de mensurar a satisfação dos seus clientes. Uma das principais é através do Net Promoter Score (NPS). Uma pesquisa que utiliza a pontuação de 0 a 10 para descobrir se seus clientes recomendariam seus serviços ou produtos para algum amigo ou conhecido.

Preparado para implementar o Inbound Marketing?

Esperamos que o nosso artigo tenha apresentado os principais conceitos da estratégia de Marketing de Conteúdo, além de mostrar formas práticas de como aplicá-lo em sua empresa.

Se você deseja complementar sua estratégia e aumentar sua taxa de conversão, instale um chat online em seu site. O JivoChat é uma ferramenta profissional de chat que apresenta todos os recursos necessários para transforma visitantes em leads e leads em clientes.

Início Blog Marketing O que é Inbound Marketing?
Se você curtiu esse artigo você também pode gostar desses ...
Comece a usar o JivoChat hoje!
Gostou do que leu?
Cadastre-se e teste o JivoChat agora mesmo!
É grátis e só leva alguns minutos para fazer o download