Rebranding: O que é e como fazer?

Índice

O Rebranding é um processo essencial para quem deseja reposicionar o seu negócio dentro do mercado e adquirir uma nova imagem perante ao consumidor. 

Diferente do Branding que se apresenta como uma estratégia para quem está iniciando um novo negócio e busca atrair a atenção do seu público-alvo, o Rebranding é para quem já se inseriu no mercado e deseja realizar mudanças.

Essas mudanças podem incluir tanto aqueles negócios que tiveram a sua imagem prejudicada quanto para quem está buscando explorar novos nichos e segmentos, como veremos mais adiante. 

Independente do motivo, é necessário traçar estratégias e posteriormente comunicar o público para que ele compreenda quais foram as mudanças e as reconheça.

Para você que deseja iniciar o processo de Rebranding dentro da sua empresa e ainda não sabe como preparamos um artigo contendo tudo o que você precisa saber sobre o Rebranding.

O que é Rebranding?

Rebranding é uma estratégia com o objetivo de ressignificar a imagem de uma marca dentro do mercado. 

Ou seja, ela visa modificar a percepção do público com relação a marca através diversas ações que promovem mudanças nos principais elementos de uma marca.\ \ Entre essas mudanças estão incluídos os elementos de uma identidade visual como:

  • O nome da empresa
  • Logotipo
  • Slogan
  • Paleta de cores
  • Tom de voz
  • E demais elementos

O importante é que essa ação seja realizada estrategicamente e de acordo com o seu objetivo visando dar uma maior visibilidade a sua marca e fixá-la no pensamento do público em geral. 

Quando realizar o Rebranding?

Se você ainda não está convencido de que realizar o Rebranding é necessário no seu negócio, vamos abordar alguns dos possíveis motivos que levam as empresas a realizá-lo.

Apesar da motivação para realizar Rebranding, na maioria das vezes, seja alcançar um novo posicionamento de marca, o Rebranding também é uma estratégia de manutenção da marca.

Portanto, é importante que você considere realizá-lo periodicamente para que você possa acompanhar e seguir as tendências do mercado.

Mensagem mal transmitida

Um dos principais motivos que conduzem as empresas a realizar Rebranding é a falta de compreensão do público a respeito da mensagem que se deseja transmitir. 

A mensagem está relacionada com a missão, a visão e os valores de um empreendimento, e quando os elementos não conversam entre si, para transmitir uma mensagem clara e concisa, é necessário realizar o processo de Rebranding.

Nesse caso, o Rebranding objetiva tornar a comunicação mais clara e acessível para que o seu público possa ter uma melhor compreensão da mensagem a ser transmitida. 

Mudança de público-alvo

O mercado passa por constantes mudanças e o público-alvo sofre muitas influências por conta dessas mudanças.

É natural que nesses casos algumas características do seu público-alvo sejam modificadas, e para que você se mantenha competitivo no mercado é necessário acompanhar essas modificações. 

Nesses casos, você pode fazer um Rebranding para alcançar um novo público ou então trabalhar os elementos baseados nas mudanças que você identificou do seu público-alvo.

Explorar novos mercados

É natural que ao longo dos anos você pense em expandir seus negócios e passe a oferecer uma categoria de produtos mais vasta..

Para alcançar novos públicos-alvo, principalmente se o seu negócio buscava atender um nicho de mercado específico, é necessário que você estabeleça uma comunicação com esse novo público.

E nesse caso, o Rebranding visa em preservar aspectos já existentes da sua marca, mas também estabelecer uma comunicação com o seu novo público.  

Imagem de sua empresa é afetada negativamente

Se a sua empresa perdeu credibilidade com o consumidor e é vista negativamente pelo público-alvo, seja a baixa qualidade dos seus produtos, má qualidade do atendimento ao cliente ou qualquer outro motivo.

É bem provável que você queira sair e mudar essa situação, que  nem sempre é uma tarefa fácil, principalmente no ambiente virtual.

Uma vez associada com uma imagem ruim é necessário melhorar todos os pontos negativos e depois provar para o seu público que as mudanças realmente aconteceram e esse processo pode levar anos.

Para desvincular da imagem negativa, e acelerar esse processo é possível realizar o Rebranding. 

Quando a identidade visual da sua empresa já está ultrapassada

Não existe uma regra ou validade para a identidade visual, entretanto, muitas empresas definem o período de 3 anos o tempo para atualizá-la. 

Entretanto, no processo de atualização não é necessário mudar todos os elementos, podendo preservá-los.

Algumas empresas realizam apenas a atualização do logotipo, dentre todos os elementos da identidade visual.

 E em alguns casos apenas esse processo já é o suficiente para a renovação da marca.

É importante que você saiba identificar qual o momento essas mudanças devem ser feitas e avaliar se elas são realmente necessárias.

Um empresa adquire a outra

A união ou então compra de empresas, é um processo natural e muito comum no mercado.

Fica a critério dos gestores manter o posicionamento ou então unificar as empresas em algo totalmente novo.

Nesses casos, utiliza-se o processo de Rebranding para criar um novo posicionamento. 

Conheça os tipos de Rebranding

Antes de apresentarmos quais são os processos essenciais para que você possa realizar o Rebranding no seu negócio, é importante que você conheça quais são os principais tipos de Rebranding.

Dessa forma, é possível identificar quais são as necessidades atuais do seu negócio. 

Rebranding parcial

O Rebranding parcial é voltado para as marcas que estão em busca de atualizar o posicionamento e a imagem do seu negócio. 

Nesse modelo ocorre uma alteração parcial da identidade da marca, ou seja, a marca não modifica totalmente seus elementos, como já mencionado anteriormente.

Nesse modelo, um aspecto positivo é que o seu público-alvo pode manter a associação já existente com a  sua marca, reconhecendo-a com mais facilidade. 

Já como aspecto negativo é justamente manter a mesma ideia que ele já possui sobre a sua marca.

E em um caso de Rebranding por imagem negativa, por exemplo, o Rebranding parcial pode não ser o mais favorável entre as opções. 

Rebranding evolutivo

O Rebranding evolutivo também se trata de realizar uma atualização da sua marca.

Entretanto, ele é um processo com o foco em apresentar as mudanças que a sua marca sofreu ao longo dos anos. 

Portanto, pode-se trabalhar diferentes elementos de uma identidade virtual e fazer um redesign. 

Rebranding radical

Como o nome já indica, ele é o processo de ressignificar uma marca completamente. 

Esse processo é semelhante ao Branding, porém pode-se realizar dados reais para melhorar a comunicação com o público. 

Imagem vetorizada de uma pessoa fazendo um rebranding

Como aplicar o Rebranding ao seu negócio?

Depois de conhecer os modelos de Rebranding fica mais fácil compreender qual é a real necessidade do seu negócio, não é mesmo?

Nesse tópico iremos entender um pouco mais sobre como você pode aplicar essa estratégia. 

Faça uma análise do mercado

Investigue o cenário que o seu negócio está inserido no momento em você deseja aplicar essa estratégia, para isso você deve buscar por insights que sejam relevantes para o seu negócio.

Por isso, esteja atento ao mercado também aos seus concorrentes mais novos e investigue como eles realizam a comunicação deles com os clientes.

O segundo passo nessa etapa é olhar para o seu negócio e anotar os pontos que você acha que são passíveis de passar por melhorias no seu próprio negócio.

Você também pode investir em obter feedback para saber o que os clientes pensam sobre a ideia de um Rebranding e também quais são as suas preferências. 

Ou  pode realizar pesquisas de opinião, para coletar dados concretos para se assegurar de ter informações o suficiente para definir o que precisa ser modificado. 

Redefina o seu público-alvo

Como comentamos anteriormente, é natural que alguns aspectos do seu público-alvo passem por modificações.

E é necessário conhecer quais foram as características que mudaram nesse público para então alinhar o seu posicionamento de marca. 

Então realize uma comparação com os dados que você já possui do seu público-alvo no momento que você realizou o Branding do seu negócio e veja quais foram as diferenças.

Ao identificar as diferenças é mais fácil de você traçar as suas estratégias e analisar o que deve ser mudado na sua identidade visual.

Repense sobre a sua missão e os seus valores

Existem três elementos que são muito importantes para o posicionamento de um negócio e eles são: a missão, visão e os valores.

Cada um deles possui um objetivo diferente e durante o processo de Rebranding é interessante analisá-los com calma para perceber se há algo de errado em algum desses elementos e o que é necessário modificar.

  • Visão: É o que dá direção a sua marca e define quais são as ações que a sua empresa precisa tomar.  A visão de um negócio não é fixa  e com o tempo ela é passível de mudanças, é necessário comunicar os colaboradores caso ela mude para que eles mantenham seus esforços no caminho certo.
  • Missão: Ela define o propósito do seu negócio, e através dela é possível identificar quem são os consumidores e também seus produtos. Se a sua missão mudar, a mensagem que você deseja transmitir também deve mudar.
  • Valores: Os valores explicam o motivo de você trabalhar naquela missão. É natural modificar os valores, mas mantenha eles no foco.

Não se esqueça que esses componentes são utilizados para que você possa se comunicar com a sua audiência e transmitir uma mensagem, portanto eles devem estar alinhados para que a mensagem seja concisa.

Reconsidere o nome da sua empresa

A mudança do nome de uma empresa  é um passo que deve ser considerado cautelosamente, pois ele pode custar o reconhecimento que você já adquiriu com o seu negócio. 

Ele só deve ser realizado caso você tenha uma estratégia para assegurar que o público ainda possa reconhecer o seu negócio.

A não ser que você queira criar um posicionamento novo e totalmente dissociado ao seu posicionamento anterior. 

De uma maneira geral, o seu nome deve estar alinhado com outros aspectos como missão, valores, visão e também com a identidade visual da sua marca.

Se assegure de que o nome da sua empresa seja facilmente pronunciável e se comunique diretamente com o seu público.

Revise o Slogan da sua marca

O Slogan talvez seja um dos itens mais fáceis de modificar. 

Se você percebe que o seu slogan não está mais se comunicando com a sua missão e os seus valores você deve modificá-lo.

Para criar um novo slogan você pode fazer com que ele:

  • Seja curto, simples e compreensível
  • Apresente os valores da sua empresa
  • Seja consistente
  • Considere  a sua audiência e o seu público-alvo
  • Se assegure de que ele possa vencer as barreiras do tempo

Faça análise os elementos da sua identidade visual 

Geralmente quando pensamos sobre Rebranding ou até mesmo no próprio processo de Branding, os elementos visuais ganham destaque.

Isso porque através deles é possível trabalhar o seu posicionamento no mercado e estabelecer  um processo de comunicação com um público.

Ou seja, eles são os elementos principais para que o seu público passe a reconhecer o seu negócio e são cruciais para a imagem.

Por isso, é necessário avaliar com calma cada um dos elementos de uma identidade visual dentro do seu processo de Rebranding. 

Dependendo do seu objetivo principal não é necessário realizar mudanças que descaracterizem a sua marca. 

Para atualizações é normal que hajam mudanças sutis e que alguns elementos sejam preservados, já em outros casos é possível fazer uma mudança total. 

Mas lembre-se que se você realizar mudança em algum dos elementos é preciso estar atento para que todos elementos permaneçam em harmonia e estejam alinhados a mensagem que você deseja transmitir.

Ainda sobre a paleta de cores é necessário estar atento sobre a psicologia das cores, e usá-las de maneira que venha a influenciar o seu negócio positivamente.

Se for modificar o logo da sua empresa, esteja atento para esses aspectos: 

  • Demonstre confiança criando um logo simples e fácil de ser compreendido
  • Utilize formas universais para que possam se adaptar aos seus canais de comunicação
  • Tente preservar alguns elementos do seu logo antigo para ajudar na identificação.

3 Programas para você modificar trabalhar o seu Rebranding

Se você ainda não sabe como modificar a sua identidade visual, separamos 3 programas incríveis para que você possa realizar as alterações necessárias para o seu Rebranding.

1. Canva

O canva é uma ferramenta bastante simples, e que permite que você elabore designs profissionais para utilizar tanto no ambiente físico quanto no virtual  de uma maneira simples e fácil.

O Editor do Canva é do tipo arrastar e soltar, além das demais funções que você pode utilizar para aplicar o Rebranding da sua marca em cards para redes sociais, cartões de visita e até mesmo criar o seu novo logotipo.

O Canva ainda possui templates prontos que permitem que você aplique a sua nova identidade visual ou realize testes para saber como os novos elementos ficariam quando aplicados aos diferentes modelos disponíveis na ferramenta.

A vantagem do Canva é que a maioria dos recursos são totalmente gratuitos, apesar de também possuir um plano pago que te dá acesso a milhares de imagens na galeria, downloads ilimitados e muito mais. 

Experimente os elementos do seu Rebranding no Canva.

2. Crello

Crello é uma ferramenta bastante semelhante ao Canva.

Ela também permite que você crie e aplique o seu Rebranding em modelos predefinidos, além de possuir  facilidade de acesso  e manipulação da ferramenta.

O Crello conta com mais de 30 mil modelos editáveis para você aplicar os elementos da sua identidade visual.

Ele também é um software gratuito, entretanto é possível contratar o plano pago para usufruir dos benefícios como Downloads ilimitados, imagens premium e até o recurso de remover o fundo da imagem.

Crie imagens profissionais gratuitamente com o Crello

3. Logaster

Para planejar a sua identidade visual, o Logaster é a ferramenta ideal para você realizar o seu Rebranding.

Com o Logaster você começa criando o seu logotipo e em poucos cliques define outros elementos da sua identidade visual. 

Realize o Rebranding da sua empresa de maneira rápida, simples e sem dores de cabeça. 

O logaster permite que você faça download de um logotipo gratuitamente durante o período de avaliação gratuita e elabore até mesmo o seu Kit para as mídias sociais. 

Como comunicar o público do seu Rebranding

Depois de tudo definido, é hora de comunicar o público nos seus canais principais sobre o Rebranding da sua empresa.

E isso deve ser realizado de maneira estratégica, por isso é indispensável que você invista em estratégias de Marketing Digital.

Através dos canais de comunicação onde você definiu, na sua estratégia multicanal, você pode aquecer o seu público e fazer com que ele crie expectativa para ver a mudança. 

Você pode realizar essa comunicação através das redes sociais, do blog no seu site ou até mesmo através de campanhas de email-marketing.

Mas não se esqueça também que é necessário monitorar as primeiras impressões do seu público logo após o anúncio do seu Rebranding.

E com base nesse feedback traçar novas estratégias, afinal o Rebranding é um processo longo e você irá precisar realizar várias campanhas até que você consiga reposicionar a sua marca.

Por isso, abuse e use do potencial de alcance das redes sociais, quanto mais a sua marca for vista pela sua audiência, mais fácil é deles assimilarem as mudanças, mas tenha cuidado para não saturar o público com o mesmo conteúdo.

Rebranding Exemplos

Para inspirar a sua trajetória no Rebranding separamos alguns exemplos interessantes para que você possa analisá-los e aplicar no seu negócio.

Shell

A marca de combustíveis Shell está presente no mercado desde 1909, e por esse fato você já deve imaginar que ela já passou por diversos Rebrandings ao longo dos anos. 

A marca apostou na renovação do seu logotipo e o modificou pelo menos 8 vezes ao longo desses mais de 100 anos que permanece ativa.

A Shell é um ótimo exemplo de Rebranding evolutivo.

Rebranding da Shell ao longo dos anos

Facebook

O Rebranding também pode estar em detalhes bastante sutis. 

Como sabemos, o Facebook é uma das redes sociais mais acessadas mundialmente.

Devido ao seu grande sucesso permitiu que a empresa lucrasse o suficiente para que pudesse adquirir outras empresas do ramo da tecnologia e comunicação. 

Com essa aquisição a marca apostou em um Rebranding bem sutil, onde ela adaptou o logotipo a paleta de cores das empresas que adquiriram e também passou a incorporar os dizeres “from Facebook” nesses aplicativos.

Rebranding do Facebook

Havaianas 

A famosa marca de sandálias e chinelos Havaianas é um case de Rebranding de sucesso. 

Na década de 80 o slogan para suas campanhas era “as legítimas”,  o modelo básico era as alpargatas que nos anos posteriores seriam substituídas.

Pois, os investidores haviam identificado que a marca iria à falência,  se a empresa não apresentasse novidades. 

O slogan foi modificado para  “todo mundo usa” e a Havaianas contratou estilistas e designers, para fabricar novas peças, que está alinhado ao plano de expansão mundial da marca.

Além disso, a marca investiu em contratar pessoas famosas para representar a marca, e deu certo!

Suas campanhas atuais procuram se inspirar na alegria do povo brasileiro para transmitir uma mensagem de conforto e seu nome remete ao estado americano do Havaí.

Rebranding das Havaianas

Pronto para fazer o Rebranding da sua marca?

Nesse artigo, apresentamos o processo de Rebranding e também como ele pode ser aplicado para mudar o posicionamento do seu negócio.

Mas não esqueça que o Rebranding é apenas uma das etapas e que é  importante que você trabalhe a divulgação para que você consiga alcançar o seu público.

Por isso, não deixe de elaborar o seu plano de marketing e apostar nas diferentes estratégias de Marketing digital.

Início Blog Marketing Rebranding: O que é e como fazer?
Se você curtiu esse artigo você também pode gostar desses ...
Comece a usar o JivoChat hoje!
Gostou do que leu?
Cadastre-se e teste o JivoChat agora mesmo!
É grátis e só leva alguns minutos para fazer o download