13 Dicas de Como Vender Roupas Pela Internet

Configura tudo que você precisa saber para melhorar suas vendas de roupas na internet

O nicho de roupas e moda é um dos mais movimentados no mercado digital, como abordamos, inclusive, em nosso guia sobre o que vender online. Por isso, é muito comum que novos empreendedores adentrando o mercado tenham dúvidas sobre como vender roupas pela internet.

Afinal, este é um nicho extremamente versátil, considerando que é possível direcionar produtos para diferentes públicos, como o público infantil, adolescente, adulto de tamanhos variados ou com modelos masculinos, femininos, unissex.

Para ajudá-lo a tirar todas suas dúvidas e começar a vender online, neste conteúdo iremos apresentar diversas estratégias, técnicas e ferramentas que podem ajudá-lo a alavancar suas vendas.

1. Escolha seu canal de vendas online

O primeiro passo será determinar qual será o seu canal de vendas inicial. Entre os principais canais, lojistas digitais tem como opção:

Cada um dos links acima te leva à um guia falando tudo sobre estes canais, assim como seus benefícios e particularidades.

Não existe necessariamente uma resposta certa para qual canal deve escolher para vender roupas pela internet. Afinal, podemos encontrar diversos negócios que deram certo em cada uma destas plataformas.

Além disso, é importante considerar que é possível integrar os canais de vendas. Hoje, diversas plataformas de ecommerce oferecem integração com marketplaces, dropshipping e até mesmo as redes sociais, como é o caso da própria Shopify.

2. Pesquise seu público alvo

Seja assertivo em quem é o público alvo de seu ecommerce de roupas e moda. Para isso, avalie sua audiência e estude seus concorrentes diretos para descobrir como direcionam suas estratégias para atingir a este público.

Você também pode criar sua persona para ter uma figura que representa o perfil do consumidor ideal para seu negócio. Dessa forma, fica mais fácil direcionar futuras campanhas de marketing, assim como saber “para quem” você está apresentando os produtos. Para fazer isso, confira nosso guia.

3. Otimize sua página de produto

Independente do canal de vendas escolhido para vender roupas online, é muito importante ter uma página de produto completamente otimizada.

Certifique-se de informar elementos como:

Inclusive, tanto as informações de entrega quanto o valor do frete e também as formas de pagamento aceitas por sua empresa devem estar disponíveis já na página de produto.

Quanto mais informações sobre o produto, menores serão as chances de perder vendas devido à dúvidas e incertezas por parte do consumidor. Confira por exemplo a página de produto da Zattini na imagem abaixo.

Como vender roupas pela internet como a Zattini

4. Trabalhe com imagens profissionais

Outro fator realmente importante no mercado digital é a aparência. Sua página de produto como um todo deve ter um design profissional e, para isso, é importante utilizar imagens profissionais.

Tenha fotos profissionais para todas as roupas oferecidas, sejam camisas, calças, roupas íntimas, etc. Isso ajuda a conquistar a confiança do consumidor, pois transmite profissionalismo.

Além disso, considere trabalhar com modelos profissionais para que possa apresentar imagens com as roupas já vestidas - o que também melhora a visualização do produto e aumenta a assertividade de clientes.

5. Apresente uma foto para cada variação do produto

Caso ofereça diversos modelos diferentes da mesma peça, como cores diferentes ou opções que variem com gênero, tamanho, com ou sem manga, entre outros elementos, certifique-se de apresentar uma fotografia para cada modelo disponível.

Se notar o mesmo exemplo da Zattini acima, perceberá que no painel da direita a loja online apresenta as duas cores disponíveis para aquele vestido. Ao clicar em cada um destes botões, as fotos mudam para apresentar a diferença.

Na hora de vender roupas pela internet, todos estes elementos têm grande impacto no processo de tomada de decisão do consumidor.

6. Tenha uma ótima logística de entrega

Independente do canal de vendas no qual deseja trabalhar, é importante ter uma excelente logística de entrega para fazer da entrega um diferencial em sua loja virtual.

Considere também como você pode otimizar seu frete para vender roupas pela internet. Um frete diferenciado pode ser a principal diferença entre uma venda e um carrinho de compras abandonado.

Para isso, considere estratégias como bonificar o valor do frete para compras a partir de determinado valor - que ajuda a impulsionar o valor do ticket médio em suas vendas pois faz com que consumidores percebam o valor agregado em compras maiores.

7. Esteja disponível no mobile

Como apresenta uma pesquisa do Mundo do Marketing, no Brasil, em 2018, 37.41% das vendas de ecommerces de moda já aconteceram através dos dispositivos móveis, como smartphones ou tablets.

Levando isso em consideração, lembre-se de otimizar o layout de seu ecommerce para que possa alavancar a venda de roupas online no mobile.

Lembre-se também que, mesmo ao trabalhar com imagens de altíssima qualidade, é importante comprimi-las para que não deixem suas páginas muito pesadas - isso aumentaria o tempo de carregamento, o que é extremamente negativo para o seu ranqueamento no Google.

Como vender roupas pela internet no mobile

8. Ofereça atendimento em tempo real

No mercado de ecommerces, é muito importante otimizar seus canais de atendimento para que possa interagir com visitantes em sua página em tempo real.

O consumidor moderno sabe que pode encontrar diversas variações nos seus concorrentes com apenas alguns cliques. Por isso, invista em ferramentas que o ajudam a reter clientes em sua página.

Se um visitante ficar em dúvida sobre a descrição, prazo de entrega, frete, condições de pagamento ou outros fatores e não encontrar uma forma de conseguir respostas imediatas, as chances são que ele irá simplesmente sair de sua loja virtual e procurar uma alternativa na concorrência.

9. Ofereça um chat online em sua loja virtual

Para resolver o problema mencionado acima, invista em canais de atendimento modernos, que já tem sua eficiência comprovada de acordo com as demandas e preferências de clientes que gostam de comprar roupas online, assim como outros produtos.

Este é o caso do chat online, que apresenta um índice de satisfação de 73% entre os clientes digitais.

Com um chat online em sua página, você pode conversar com visitantes em tempo real, responder dúvidas e resolver problemas enquanto os retém em sua página.

Dentre os principais recursos oferecidos por soluções profissionais de chat, aproveite convites proativos para abordar visitantes automaticamente enquanto navegam em sua página com mensagens personalizadas.

Estas mensagens podem ser desde um simples “Olá, posso ajudá-lo a escolher a peça perfeita para você” à “Bem vindo, sabia que nossas roupas de verão estão com 30% de desconto? Fale comigo para saber mais!”

10. Ofereça o callback para atender melhor pelo telefone

Mesmo que o chat online ofereça o maior índice de satisfação, muitos consumidores ainda preferem conversar em tempo real através do telefone, por voz.

Por isso, considere também investir em uma ferramenta de callback para aumentar o índice de satisfação e transformar o atendimento ao cliente em um diferencial na hora de vender roupas online.

Dessa forma, visitantes podem informar seu número de telefone e solicitar uma ligação assim que o primeiro representante estiver disponível, o que elimina completamente tempos de espera na linha e a frustração de não conseguir falar com sua equipe imediatamente.

11. Invista no marketing digital

Esta é uma dica válida para ecommerces e negócios digitais em essencialmente qualquer nicho. Afinal, lançar sua loja virtual ou começar a vender através de marketplaces, redes sociais e outros canais de vendas é apenas o primeiro passo.

Não basta abrir a loja e esperar que clientes venham e comprem muito, é necessário utilizar ferramentas que o permitem levar sua marca ao público alvo e trazer leads para seu funil de vendas.

Para isso, invista em soluções e estratégias como:

Só assim você conseguirá propagar sua marca e fazer com que visitantes encontrem sua loja em meio à concorrência.

12. Impulsione nas redes sociais

Além das estratégias acima, não deixe de impulsionar sua marca nas redes sociais. Especialmente no nicho de moda, considere até mesmo investir no marketing de influenciadores para aumentar sua venda de roupas.

Encontre influenciadores que se encaixam com sua marca e com os produtos oferecidos utilizando plataformas como a Influency e pague para que vistam e promovam seus produtos em seus próprios canais, como no Instagram, Facebook, YouTube, Twitter, entre outros.

Impulsione nas redes sociais

13. Saiba como lidar com objeção em vendas

Por fim, devemos reconhecer que nem todo consumidor acessando sua loja virtual se encontra no momento certo de comprar. Isso não significa que você deva simplesmente abandonar estes leads e deixá-los de lado.

Pelo contrário, mesmo que seu cliente apresente objeções, não perca a oportunidade de cadastrá-los em sua base de leads para que possa incluí-los em suas campanhas de marketing digital, desde que o mesmo concorde com isso.

Para isso, durante o atendimento, caso reconhecer que o lead não está pronto para tomar uma decisão de compra, considere agendar contatos futuros e não deixe de avisá-lo quando as roupas e peças de seu interesse entrarem em promoção - isso faz toda a diferença em suas chances de venda e ajuda a conquistar o que você talvez consideraria primeiramente como um cliente perdido.

Aprendeu como vender roupas pela internet?

Esperamos que nossas dicas sejam realmente úteis para seu negócio e que consiga atingir os resultados esperados a partir de cada uma delas.

Lembre-se de trabalhar com foco no sucesso do cliente, oferecendo uma experiência diferenciada, marcante e única à sua marca para aumentar suas chances de fidelização.

Além disso, não se esqueça de conquistar cada visitante que entrar em sua página para aumentar suas conversões. Para isso, ofereça um chat online gratuito como o JivoChat e descubra como o atendimento em tempo real te ajuda a crescer. Boas vendas!

2020/08/12

Se você curtiu esse artigo você também pode gostar desses ...

Dicas para ecommerce, conversão e suporte