Recrutamento online: O que é e como fazer

1 de fevereiro de 2024
Tempo de leitura13 minutos
Eduardo S.
Eduardo S.
Redator

Em um processo de seleção em sua empresa, você realiza o recrutamento online ou ainda utiliza métodos mais convencionais para essa finalidade?

O setor de Recursos Humanos têm experimentado transformações significativas, incorporando novas tecnologias para aprimorar os resultados de suas atividades diárias. Dessa maneira, pode atuar de maneira estratégica em prol do sucesso da empresa.

A crescente popularidade desses métodos já chamou a atenção de mais de 80% das empresas na América Latina, de acordo com uma pesquisa realizada em 2023 pela Deloitte, que destacou a alta importância do RH digital.

Pensando nessa tendência inovadora, desenvolvemos este artigo especialmente para ajudá-lo a entender o que é recrutamento online, destacando suas principais vantagens e desvantagens. Confira!

O que é o recrutamento online?

O recrutamento online é um método de seleção de candidatos no qual a maioria das etapas é conduzida pela Internet.

O anúncio de vagas, comunicação, testes e as primeiras entrevistas ocorrem à distância, sem contato direto com o candidato. As interações presenciais são reservadas para a fase final do processo.

Para a aplicação eficiente desse método, a empresa deve implementar uma série de processos e ferramentas, assegurando a minimização dos efeitos negativos.

Um dos principais desafios é a impessoalidade do processo. Embora a tecnologia facilite o avanço nas etapas, o diálogo cara a cara com os candidatos finais é essencial para conhecê-los mais profundamente.

Outro erro comum é a falta de habilidade no uso adequado das ferramentas digitais. Antes de adotar o recrutamento online, todos os membros do RH devem ser treinados para aproveitar ao máximo a plataforma escolhida, garantindo assim a eficiência desejada.

As principais ferramentas técnicas utilizadas no recrutamento online incluem redes sociais, agências de empregos online, software de videochamada e tecnologias online para testes técnicos e de comportamento.

Ilustração de um homem em pé analisando um currículo na tela de um notebook

Como fazer um recrutamento online

O processo de recrutamento e seleção tem um papel importante nas empresas, sendo responsável por atrair novos talentos que contribuirão para o alcance de resultados positivos. Contudo, para manter-se atualizado, é essencial entender como realizar esse processo de maneira online, aproveitando as ferramentas tecnológicas disponíveis.

O recrutamento online ocorre quando o contato principal ou exclusivo com os candidatos é realizado pela internet, muitas vezes eliminando a necessidade de anúncios em jornais, agências terceirizadas e outras formas mais antiquadas.

Dessa forma, é possível usufruir de diversas vantagens, como a economia significativa de recursos e a capacidade de segmentar eficientemente o público-alvo.

Essa abordagem também tem sido amplamente adotada durante a etapa de seleção dos candidatos. Nesse contexto, é possível conduzir testes de personalidade, entrevistas à distância (via Skype, por exemplo), avaliações de raciocínio lógico, proficiência em uma segunda língua, entre outras atividades.

Quais são as vantagens do recrutamento online

São muitas as empresas que tornam ao menos uma parte do seu processo de recrutamento totalmente online. Mas afinal, quais são os benefícios de investir nesse tipo de recrutamento?

As vantagens são diversas, sendo as principais para a empresa: economia de recursos financeiros e energia física, agilidade na condução dos processos, flexibilidade para que os gestores de RH realizem outras tarefas enquanto as atividades online são concluídas pelos candidatos, e maior assertividade no processo, pois o recrutamento online proporciona uma quantidade mais significativa de dados para análise dos candidatos.

Vamos destacar os principais benefícios:

1. Maior variedade de dados para avaliação dos candidatos

Além do currículo tradicional enviado pelos candidatos, o recrutamento online permite a introdução de inovações. Perguntas específicas, resultados de testes e avaliações online, bem como análises das redes sociais dos candidatos, podem ser incorporados.

Esses elementos contribuem para uma decisão mais fundamentada ao avançar os candidatos para a próxima fase.

2. Triagem de currículos muito mais rápida e inteligente

Filtros podem auxiliar na identificação dos candidatos desejados. É possível realizar a filtragem por habilidades específicas, área de formação ou mesmo tempo de experiência.

Algumas ferramentas também oferecem funcionalidades para buscar palavras-chave, o que significa que você pode inserir "marketing digital" e encontrar todos os candidatos com experiência na área.

Essa abordagem é ainda mais eficaz quando a plataforma conta com inteligência artificial para indicar os melhores candidatos para cada vaga.

3. Gestão em tempo real das vagas

Uma das maiores vantagens de um sistema de recrutamento e seleção online é a facilidade de gerenciar o processo. Em um processo offline, os controles são feitos em planilhas Excel e papel.

Com o recrutamento digitalizado, a equipe de RH tem visibilidade total do processo. É possível acessar dados como:

  • Quantos processos seletivos estão ocorrendo;
  • Número de vagas em cada etapa do processo seletivo (triagem, entrevista, teste técnico, avaliação do gestor, etc.);
  • Quantos candidatos estão em cada fase do processo;
  • Tempo médio de fechamento da vaga.

Esses e outros dados proporcionam maior assertividade e permitem o desenvolvimento estratégico das atividades do RH.

Além disso, toda a equipe pode acessar a plataforma e visualizar o processo seletivo. Gestores das vagas também podem ser envolvidos, oferecendo visibilidade sobre o andamento das vagas em suas respectivas áreas.

4. Aumento significativo no alcance

Considerando que a maioria das pessoas está conectada à internet, será que todos os custos de anúncio e publicidade são realmente necessários? Na internet, é possível encontrar ferramentas que distribuem as vagas em portais específicos segmentados.

Aproveitar ao máximo o potencial das redes sociais e dos sites de empregos é uma excelente estratégia para atrair um volume considerável de interessados.

5. Construção de um banco de talentos

Sem a necessidade de arquivar pilhas de currículos, uma vantagem do recrutamento online é a criação de um banco de talentos. Todos os candidatos inscritos, em diversas áreas, podem fazer parte de um banco único, acessível pela empresa quando necessário.

Além disso, centralizar os currículos evita a duplicidade de candidatos, algo comum em processos que envolvem currículos impressos.

6. Outras tecnologias integradas

Quando abordamos o recrutamento online, falamos sobre diversas tecnologias que compõem esse universo.

Atualmente, gamificação, inteligência artificial, testes online e people analytics, por exemplo, vieram para ficar. Todos esses elementos em um processo digital contribuem para a eficiência e assertividade na contratação.

7. Segurança da informação

Este ainda é um tema um tanto polêmico, pois informações sigilosas das empresas ficam armazenadas em bancos de dados e servidores externos.

No entanto, quando comparado aos riscos de documentos impressos que podem ser perdidos ou danificados permanentemente, o sistema online oferece benefícios significativos.

Empresas que prestam serviços para sistemas de recrutamento e seleção online geralmente possuem certificados de segurança das informações (mas é sempre importante verificar para ter certeza).

Ilustração de duas pessoas olhando para currículos

8. Experiência do candidato

Essa é a tendência atual no recrutamento. Cada vez mais, o setor de Recursos Humanos precisa construir jornadas e experiências envolventes e agradáveis para seus colaboradores, começando antes mesmo de eles entrarem na empresa.

Para fortalecer a marca empregadora e atrair apenas os melhores talentos, ter um processo simples e acessível para os candidatos é fundamental.

No recrutamento online, desde a descoberta da vaga até a inscrição, interação com a empresa, atualização do currículo, etc., tudo isso é mais fácil e tem o potencial de proporcionar uma experiência mais positiva ao candidato.

Além disso, é válido ressaltar que, mesmo para vagas confidenciais, que podem gerar certa desconfiança nos candidatos, é possível criar uma experiência agradável e envolvente por meio de descrições detalhadas de cargos e entrevistas mais amigáveis.

Quais são as desvantagens do recrutamento?

Por mais avançada que seja a tecnologia utilizada no recrutamento online, ela ainda não permite que os profissionais de RH identifiquem alguns dos detalhes do comportamento dos candidatos que seriam mais evidentes em uma entrevista pessoal.

Por esse motivo, é crucial que, em algum momento do processo de recrutamento, a entrevista deixe de ser virtual.

Além disso, como a seleção de candidatos pode ser mais extensa e demorada, a divulgação excessiva e a amplitude das vagas podem prejudicar o trabalho dos recursos humanos.

Para evitar deficiências na seleção dos candidatos, os profissionais de RH devem ser capazes de estabelecer os critérios de seleção corretos na plataforma de recrutamento online. São esses filtros que distinguem as características necessárias das indesejadas.

Quais são as etapas do recrutamento online

É fundamental considerar todo o processo e planejar a operação mais adequada antes da execução. Abaixo, preparamos um pequeno guia passo a passo que contém as etapas mais importantes para um recrutamento online bem-sucedido. Veja:

Planejamento

Em primeiro lugar, é crucial que o departamento de recursos humanos seja responsável pelo planejamento de todas as etapas a serem executadas. Nesta fase, a premissa é que o recrutamento tenha características alinhadas com a empresa e o DNA digital.

Além disso, é essencial gerar todos os dados da vaga nesta etapa, incluindo benefícios, horário de trabalho, flexibilidade, e os critérios necessários para se candidatar.

Antes de iniciar a divulgação, é muito importante descrever a vaga ou projeto de forma clara, pois a pessoa que estará lendo pode não conhecer a rotina de trabalho da empresa ou mesmo o que ela representa. Portanto, não pule muitos detalhes e forneça uma explicação detalhada das tarefas que os profissionais deverão realizar.

Se a vaga em questão for muito específica e exigir candidatos de alta qualidade, como ocorre em algumas empresas que buscam engenheiros, programadores, etc., você pode incorporar a aplicação de algum tipo de certificação ou teste online. Somente após essa etapa, proceda com a análise do currículo.

Triagem

A escolha do método para a primeira triagem dos candidatos é uma etapa que deve ser realizada por meio da análise do currículo e da carta de apresentação do candidato.

É importante destacar que a utilização de plataformas de recrutamento e sistemas online para todas as etapas do processo reduzirá as chances de erros que podem complicar o desenvolvimento da seleção.

Isso ocorre porque o sistema online diminui as escolhas baseadas em suposições, aumentando a taxa de sucesso e proporcionando mais benefícios ao processo.

Análise dos Candidatos

Durante o processo seletivo, a análise das informações disponíveis online dos candidatos é crucial.

As redes sociais tornaram-se vitrines onde as empresas podem acompanhar o comportamento dos concorrentes à vaga. Portanto, a análise desses perfis muitas vezes influencia as decisões de contratação.

Por meio das redes sociais, os recrutadores podem avaliar se os candidatos são pessoas estáveis no trabalho, se apresentam bom desempenho online ou se prejudicam a imagem da empresa na plataforma.

Além disso, verificar a experiência e as recomendações dos candidatos também é uma prática valiosa. Isso otimiza o tempo de seleção e simplifica as etapas subsequentes.

Entrevista

Nesta fase, o número de profissionais deve ter diminuído significativamente. Agora é possível conhecer mais sobre o candidato selecionado antes de avançar para a entrevista final com o gestor responsável e/ou departamento de pessoal.

Em muitos casos, uma abordagem eficaz é enviar um e-mail parabenizando pela escolha e solicitando que respondam a algumas perguntas adicionais sobre o projeto, trabalho concluído, experiência profissional ou pessoal, entre outros aspectos.

Outra opção é utilizar um software online moderno para criar um teste de perfil comportamental. Esses testes conseguem mapear o comportamento das pessoas e gerar relatórios detalhados sobre as características pessoais e as habilidades profissionais dos candidatos.

No final, permanecerão apenas os profissionais verdadeiramente relevantes para o preenchimento das vagas em questão. Algumas empresas optam por realizar entrevistas presenciais, acreditando que é necessário entender os candidatos de perto.

Se este não for o seu caso, ou se não for possível conduzir entrevistas presenciais, fique tranquilo, pois há diversas opções para realizar chamadas de vídeo online.

Como otimizar o processo de recrutamento online

A fim de evitar falhas, o profissional pode contar com o auxílio dos demais gestores das áreas de contratação para a elaboração de testes. Além disso, a divulgação em meios digitais, como as redes sociais, é fundamental para atrair perfis qualificados.

Outra dica importante é destacar detalhes dos requisitos das vagas oferecidas, evitando atrair candidatos sem a qualificação exigida. Para isso, inclua as funções e exigências nas descrições das vagas.

Vale ressaltar que desenvolver um processo-padrão de recrutamento no futuro auxilia em todas as etapas do processo. Assim, definir com a equipe uma estratégia-base nas seleções pode ser muito eficaz.

Como funcionam as plataformas de recrutamento online?

A partir da coleta de informações que o candidato oferece ao preencher os relatórios, as plataformas estabelecem padrões e filtram currículos conforme os critérios estabelecidos pela empresa.

O funcionamento, por outro lado, varia conforme a plataforma escolhida. Em geral, elas consideram informações relevantes, como pretensões salariais, experiência, cargos anteriores, entre outros.

Por exemplo, se a empresa define que a vaga requer 5 anos de experiência, a plataforma pode automaticamente omitir currículos com períodos menores. Isso facilita a seleção e garante que somente os perfis mais adequados chegarão ao recrutador.

Agora que você já entendeu melhor o funcionamento dessas plataformas, separamos algumas opções de plataformas de recrutamento online para você investir na automação do seu processo seletivo.

1. Gupy

A Gupy é um software que proporciona a centralização do recrutamento online em um único lugar, desde a divulgação e atração até a gestão do processo de seleção.

Essa solução facilita a contratação rápida com decisões inteligentes, reunindo todas as etapas em um único ambiente. A plataforma impulsiona resultados no recrutamento, permitindo encontrar a pessoa certa de maneira mais rápida e assertiva.

As funcionalidades da ferramenta de recrutamento online da Gupy incluem um portal de Vagas exclusivo, uma página de Carreiras personalizável, o uso de Inteligência Artificial para classificar currículos com afinidade com a vaga e redução de vieses, além de um Módulo de Diversidade e Inclusão adequado à Lei Geral de Proteção de Dados, entre outros recursos.

2. Companhia de Estágios

A Companhia de Estágio oferece soluções diversificadas para atender às necessidades específicas de cada empresa durante o recrutamento online.

Com um foco especial na experiência dos candidatos, a empresa promove um processo mais atrativo e inovador nas seleções.

A equipe conta com especialistas dedicados a programas de entrada, e o banco de dados abrange mais de 1,8 milhão de candidatos. O recrutamento é potencializado com o uso de Inteligência Artificial, e a atuação estende-se pela América Latina.

Para atrair os talentos ideais e fortalecer a marca empregadora da sua empresa, a Companhia de Estágio oferece serviços completos de Marketing de Recrutamento.

Isso inclui a criação de páginas de carreira e materiais personalizados, engajamento nas redes sociais por meio de postagens, transmissões ao vivo e filtros, além de assessoria de imprensa para garantir a visibilidade do seu programa nos meios de comunicação.

3. LinkedIn

O LinkedIn, como a maior rede profissional do mundo, com mais de 600 milhões de usuários, é uma plataforma totalmente voltada para a área profissional. Além de permitir a observação de publicações no feed, semelhante a outras redes sociais, o LinkedIn oferece uma ferramenta exclusiva para facilitar o processo de recrutamento, conhecida como LinkedIn Recruiter.

O LinkedIn Recruiter é uma plataforma abrangente de contratação projetada para auxiliar profissionais de talentos a encontrar, contratar e gerenciar candidatos ideais para suas equipes.

Esse serviço de recrutamento online permite realizar pesquisas detalhadas usando palavras-chave, modificadores booleanos e mais de 20 filtros avançados para encontrar candidatos específicos.

Selecionar candidatos com maior probabilidade de resposta, incluindo aqueles interessados em novas oportunidades ou que já interagiram com sua marca no LinkedIn e muito mais.

O LinkedIn Recruiter é uma ferramenta poderosa para aprimorar as estratégias de recrutamento online, permitindo que os profissionais de RH identifiquem, alcancem e gerenciem os melhores talentos de forma eficiente e direcionada.

Descobriu o que é recrutamento online?

O recrutamento online já é adotado por diversas empresas e permite uma visão muito mais aprofundada acerca dos perfis profissionais. Por isso, esperamos que este artigo tenha te ajudado a sanar todas as dúvidas sobre o que é recrutamento online e como funciona.

Assim como o recrutamento online, existem outras áreas que você deve automatizar para melhorar a qualidade do seu serviço. Dessa forma, não deixe de conferir nosso artigo completo sobre atendimento automatizado.

Compartilhe com seus amigos!
Gostou do que leu?
Cadastre-se e teste o JivoChat agora mesmo!
É grátis e só leva alguns minutos para fazer o download