O que é oratória e como melhorar a sua?

Índice

Compreender o que é oratória é o primeiro passo para quem deseja ter sucesso tanto na sua vida pessoal quanto na vida profissional.

Pois, o uso dessa habilidade pode ser necessário em diversos momentos das nossas vidas, e aqueles que sabem como desenvolvê-la e utilizá-la podem se beneficiar com as suas vantagens.

A boa oratória é uma habilidade que é muito valorizada e buscada no âmbito profissional, pois a comunicação é essencial nesses espaços para que seja possível alcançar os resultados esperados.

Ela também está relacionada ao poder de convencimento e a famosa habilidade de persuasão, características que também são muito utilizadas no ambiente profissional.

Portanto, se você deseja mudar de emprego ou conquistar uma posição de liderança dentro da sua empresa é preciso desenvolver essa soft skill.

Pensando nisso, elaboramos um artigo para  você que deseja saber o que é oratória, o que significa oratória, qual é a sua importância e como desenvolvê-la.

Mas afinal, o que é oratória?

Se você abrir o dicionário para pesquisar o que é oratória você provavelmente encontrará a seguinte definição: oratória é a arte de falar em público de maneira eloquente.

Ou seja, podemos traduzir esse conceito como a oratória sendo arte de falar com desenvoltura, propriedade, demonstrar domínio e conhecimento sobre determinados assuntos e cativar o seu público. 

E embora ela seja associada apenas à linguagem verbal, a habilidade de oratória contempla um conjunto de fatores mais amplos como: a linguagem verbal, a linguagem corporal e também uma mensagem bem estruturada e objetiva.

Ou seja, ela está fortemente relacionada com a maneira que você se expressa diante de uma platéia ou público. 

Por isso, a oratória seria melhor definida se a tratássemos como um conjunto de técnicas que auxiliam a declamação de discursos envolventes.

Quem  possui um bom domínio da habilidade oratória pode utilizá-la para influenciar, convencer e conectar as pessoas a uma ideia e a mensagem que você quer transmitir.

É por esse motivo que dizemos que a oratória também está relacionada com a capacidade de persuasão, pois através dela é possível convencer o ouvinte. 

Entenda a importância da oratória

Para que você compreenda a importância de o que é oratória, é necessário voltarmos um pouco no tempo e na história da humanidade.

Os primeiros registros do uso da oratória estão lá no Egito Antigo, e com o passar do tempo o seu uso acabou se difundindo e na Roma e Grécia antiga, que foi quando a oratória passou a ser muito valorizada. 

Entretanto, o primeiro conceito de oratória só foi se estabelecer mesmo durante a idade média  e o renascimento, onde foi enfatizada como parte da educação nas artes liberais.

Entender o contexto histórico em que a oratória passou a ser utilizada é importante para que possamos compreender o quanto essa habilidade passou a ser reconhecida e como ela foi relevante ao longo da história.

Ela ainda é muito importante na atualidade, pois pode influenciar diversos fatores, como desenvolvimento de carreira, crescimento de negócios e até mesmo ajuda a manter bons relacionamentos com amigos e familiares.

Por esse motivo a oratória assume um papel de relevância nas nossas vidas e deve ser considerada uma das habilidades mais importantes para  você desenvolver.

Vamos conhecer mais sobre a importância da oratória no âmbito pessoal e também no âmbito profissional.

Na vida pessoal

Na vida pessoal a oratória é uma habilidade essencial para que possamos nos relacionar com as pessoas que estão ao nosso redor.

A comunicação é muito importante para que você consiga criar novos relacionamentos e cultivar aqueles relacionamentos que já estão presentes na sua vida.

Quem possui uma boa oratória provavelmente sabe como se comunicar melhor com o próximo, e torna a comunicação mais assertiva.

Pensando nesse processo é importante que você consiga transmitir ao próximo algo que você está experienciando e ainda o que você espera de determinada situação, permitindo que as pessoas se conectem a sua mensagem.

Mas além disso,  não podemos esquecer que a linguagem não verbal ocupa um espaço muito importante na comunicação,  e mais ainda em relacionamentos próximos. 

Dessa forma, a oratória é importante, pois tem a capacidade de fazer a outra pessoa compreender os seus sentimentos, ou seja é uma habilidade que permite melhor conexão entre as pessoas que compõem um relacionamento.

Em resumo, através da oratória é possível:

  • Ser mais claro
  • Refletir sobre o que você deseja comunicar
  • Falar sobre o que está te afetando e fazer com que o outro entenda isso
  • Melhora as suas habilidades de negociação
  • Permite que você aprenda a escutar o que o outro tem a dizer

Importante para a construção de relacionamentos mais saudáveis e duradouros. 

No mercado de trabalho

Talvez seja nesse ponto onde a habilidade de oratória é mais valorizada, pois ela é uma soft skills necessária na maioria das profissões.

Muitas pessoas pensam que apenas professores, coachs, influencers digitais e palestrantes precisam ter essa habilidade desenvolvida, mas é aí que se enganam. 

A oratória é uma habilidade essencial em qualquer área do conhecimento, pois como já abordamos, ela está relacionada ao poder de convencimento e que é útil para diferentes situações profissionais. 

Por exemplo, digamos que você trabalha em uma equipe técnica e deseja aplicar uma metodologia que aparentemente é mais complexa, mas parece ser um melhor investimento a longo prazo.

A única maneira de convencer os seus superiores de que essa técnica é realmente a melhor é utilizando as suas habilidades de oratória.

E essas situações semelhantes a essas podem acontecer nas mais diversas profissões e ocasiões, sobretudo no gerenciamento de equipes.

Primeiramente, para que em uma entrevista você possa falar sobre os seus conhecimentos técnicos, é preciso cativar o recrutador e saber como envolvê-lo.

E com certeza a maneira como você comunica isso está sendo avaliada, o recrutador provavelmente vai buscar alguém que enxergue potencial de crescimento dentro da empresa. 

Pois, eles sabem que um bom orador tem potencial para ser um bom líder, e é bem provável que esse profissional tenha a habilidade de motivar e engajar uma equipe a alcançar os resultados esperados, e até mesmo conquistar novas parcerias para uma empresa.

Portanto, a oratória também está associada a cargos de liderança principalmente e existem muitos cursos de oratória para líderes e gestores.

\ No próximo tópico você vai conhecer curso de oratória o que é importante para que você consiga desenvolver a sua habilidade de oratória.

5 Cursos para você desenvolver sua oratória

Você já viu o que é oratória e qual a sua importância, e ao contrário do que muitas pessoas pensam, a oratória não é um dom e pode sim ser desenvolvida.

Por isso, separamos alguns cursos que vão ajudar você a melhorar as suas habilidades para que possa alcançar seus objetivos.

1. Método Falantes

É um curso que conta com um professor com mais de 10 anos de experiência na área e que é desenvolvido através de duas ferramentas fundamentais.

A primeira ferramenta são os 5 passos para uma oratória perfeita que vai te conduzir por um caminho onde vai permitir que você desenvolva as suas habilidades de falar em público definitivamente.

E a segunda ferramenta é a teoria aplicada a um plano de ação para que você consiga desenvolver e  programar sempre que precisar falar algo em público através de um discurso estruturado e colocando em prática tudo que você aprendeu.

Com esse curso você vai adquirir maior confiança para começar a falar em público, aprender a motivar equipes, conversar com gestores e muito mais.

2. COMUNIQUE - Curso de Oratória (Udemy)

O comunique é um curso de oratória que vai te auxiliar a perder o medo de falar em público, e falar de uma maneira que as pessoas queiram ouvir o que você tem a dizer.

Nesse curso você aprenderá sobre técnicas de storytelling, que nada mais é do que contar histórias de uma maneira interessante transmitindo confiança e credibilidade.

Também vai saber mais sobre técnicas de aquecimento, como se preparar para falar e como reduzir o nervosismo antes de começar uma apresentação ou reunião. 

Você ainda vai aprender sobre técnicas de persuasão, convencimento e também como adquirir empatia.

Esse curso é indicado para todas as pessoas que queiram melhorar e desenvolver a sua capacidade de oratória

3. Comunicação e Oratória | O Guia Completo (Udemy)

Esse é um curso super completo, pois ele abrange a linguagem oral, escrita e corporal para que você consiga vencer o seu medo de falar em público e ocupar uma posição de destaque. 

Neste curso você vai aprender a como deixar a timidez de lado, passando a ter poder e controle sobre a sua própria comunicação.

Influenciar as pessoas através da sua comunicação, persuadir as pessoas e utilizar a linguagem corporal de maneira persuasiva.

Além disso, também vai aprender como escrever e-mails e construir relatórios eficientes. É um curso extremamente prático para você aprender a utilizar e desenvolver a sua oratória. 

4. A Jornada do Orador 

É um curso que objetiva ensinar seus alunos a utilizar as suas habilidades de oratória tanto nas redes sociais quanto no ambiente corporativo.

São 9 módulos de curso onde você vai aprender sobre apresentação pessoal, quais são os principais erros que você não deve cometer,  como superar o seu medo de falar em público e muito mais.

Após a aquisição do curso, o acesso é ilimitado, você também pode contar com aulas práticas  e ainda terá acesso a uma comunidade VIP no Whatsapp, para trocar informações e receber conteúdos exclusivos.

5. A arte de falar em público

Você melhora a suas capacidades de oratória em apenas 12 aulas, onde você aprende qual é a sua habilidade atual de comunicação, como perder o medo de falar em público e como melhorar a sua habilidade escrita.

Nesse curso você também aprenderá mais sobre habilidades de persuasão, linguagem corporal e Storytelling.

Você ainda conta com exercícios práticos para colocar em prática tudo que você aprendeu ao longo do curso.

O curso é de fácil compreensão, que se adapta a sua realidade do dia a dia e  possui fundamentos base.

Imagem vetorizada de uma palestrante e sua audiência em uma conferência

Para que serve a oratória?

Como vimos anteriormente, ao analisarmos mais profundamente o que é oratória, ela é uma habilidade que tende a dar suporte para quem deseja falar bem em público.

E de uma maneira geral, profissionais de diversas áreas precisam desenvolver a habilidade de oratória, pois são essenciais a nível profissional.

Um líder de uma equipe, por exemplo, precisa usar a persuasão para melhorar o desempenho da equipe e motivar os colaboradores a atingir metas mais elevadas.

E principalmente o time de vendas, é necessário saber como convencer um cliente que o seu produto é o melhor do mercado.

A oratória está fortemente associada a cargos de liderança, pois a retórica, e quando falamos de retórica estamos incluindo a oratória, tem a capacidade de:

  • Instigar a imaginação do ouvinte

  • Favorecer a compreensão acerca dos assuntos abordados

  • Despertar a paixão através do interesse

  • Influenciar a determinação

Entende porque desenvolver a oratória é muito importante como uma soft skill? Sim, ela é uma ferramenta poderosa

E nesse sentido a oratória pode ser aplicada em situações algumas situações como quando se tem a necessidade de falar em público:

  • Iniciar uma discussão sobre um tema

  • Ministrar um treinamento ou uma aula

  • Defender o seu ponto de vista em uma reunião ou discussão

  • Convencer os clientes acerca dos benefícios de um produto.

Em palestras ou aulas ela é uma habilidade muito importante, pois através dela é possível deixar um discurso menos monótono e adequá-lo a linguagem do seu público.

Como ter uma boa oratória?

Depois de compreender o que é oratória e porque ela é importante no mercado de trabalho é necessário identificar o que torna alguém um bom orador, não é mesmo?

O primeiro passo para desenvolver a habilidade de oratória é conhecer quais são as técnicas disponíveis para melhorar essa habilidade, e praticar.

Um bom orador é aquele que sabe quem é o seu público ou audiência, pois ele deve direcionar o seu conteúdo para atender as expectativas desse público, e ele precisa saber como antecipar o que a sua audiência quer ouvir.

Além disso, um bom orador deve ter domínio do conteúdo do qual ele irá discursar ou apresentar em uma reunião, pois isso diminui as chances de erro e torna o seu discurso mais consistente. 

Um bom orador é aquele que planeja o conteúdo para que ele possa transmitir uma mensagem bem estruturada. 

E lembra quando definimos o que é oratória e definimos que ela deve ser eloquente? 

Um bom orador não deve deixar faltar entusiasmo, ele deve transmitir paixão ao seu público de maneira que essa paixão o torne convincente, ele é aquele que pode criar discursos efetivos e impactantes para o seu público 

Estratégias para melhorar a sua oratória

Para você que deseja saber como ser um bom orador e investir em melhorar a sua habilidade de oratória existem algumas estratégias interessantes para você aplicar.

Principalmente agora que você já compreendeu o que é a oratória e em quais lugares ela pode ser aplicada, é importante saber como melhorar e desenvolver essa habilidade. 

Aprenda com quem sabe

Nada melhor do que aprender com quem sabe não é mesmo? Por isso, separamos aquela listagem de cursos para que você possa conhecer alguns profissionais que já estão dentro do mercado.

Isso não impede que você assista discursos e palestras de pessoas que considera bons palestrantes.

Para conhecer as técnicas de oratória mais utilizadas você pode assistir vídeos, comprar livros que estejam relacionados com a área ou então buscar por cursos. 

Embora o curso seja um investimento, essas pessoas vão te ajudar a perceber pontos que talvez você não perceba enquanto está estudando sozinho.

Na maioria das vezes, você pode recorrer a eles para tirar suas dúvidas, mesmo em cursos EAD.

Conheça o público que será seu ouvinte

O primeiro passo para ter sucesso durante a oratória é conhecer quem são as pessoas que irão receber a informação que você deseja transmitir.

Pois assim, saberá como direcionar o seu discurso, qual é o melhor tom de voz para que a comunicação seja eficiente e quais abordagens são possíveis de usar com o seu público.

Todos esses aspectos devem ser pensados, pois lembre-se que a oratória deve ser algo estimulante o suficiente para desencadear uma paixão no seu público.

Nesse sentido, quanto mais características você tiver do seu público ou da sua audiência, mais envolvente você pode transformar o seu discurso.

Conheça sobre os seus gostos pessoais, quem são as figuras a quem eles se inspiram e principalmente a maneira com que eles se comunicam.

Para isso você pode criar Personas

Faça um planejamento do que você quer comunicar

É importante que você entenda a situação em que você se encontra, quem é o seu público e como você irá adequar o seu discurso para atender as expectativas e necessidades desse público.

Por isso, estude o conteúdo, anote, faça um roteiro para saber quais pontos fortes devem ser destacados durante o seu discurso. 

E quanto mais você esquematizar esse roteiro mais fácil será para você absorver e garantir domínio do conteúdo.

Esteja preparado

Seja em uma reunião de negócios ou numa apresentação para um público, mantenha seu foco em um objetivo principal, que é transmitir uma mensagem a sua audiência.

E por isso, é essencial que você encontre meios de facilitar a transmissão dessa mensagem. 

Um recurso que é muito utilizado entre palestrantes, e também em encontros e reuniões é criar uma apresentação.

Uma apresentação além de facilitar a compreensão do público, contribuirá com a sua oratória, pois através dela é possível manter uma estrutura organizada e coerente dos assuntos que você deve apresentar.

Você pode utilizar a apresentação como apoio, destacando apenas algumas palavras-chave e pontos mais relevantes sobre o assunto.

Mas esteja atento, não coloque textos muito extensos, se você já sabe o que é oratória deve saber não se trata de quantidade e sim de qualidade. 

E não esqueça de acreditar no que você está dizendo, pois como convencer a pessoa próxima se nem você sabe ao certo o que está dizendo? Para ser persuasivo você precisa confiar fielmente no tópico que você irá apresentar.

Utilize a linguagem adequada

Conhecer o público também implica em saber qual o tipo de linguagem deve ser utilizada durante uma apresentação.

Basta que você conheça quem é o seu público e tente adaptar a sua comunicação para aproximá-la da comunicação utilizada por eles.

É importante também saber quando utilizar as linguagens formal e informal, estar preparado e saber quais são os termos técnicos que não irão causar estranheza no seu público.

Brincadeiras, geralmente, são aceitas positivamente, no entanto, cada situação é uma situação, e você precisa analisar com base na sua própria experiência.

Tenha objetividade

Não tem nada pior do que emendar uma história na outra, apresentar um monte de exemplos desnecessários e não entregar o conteúdo que o seu público quer ouvir.

Além de ser cansativo para quem está escutando a sua palestra é capaz de você se perder no seu próprio conteúdo.

É importante que você entregue acima de tudo conteúdo de qualidade, e a partir desse conteúdo aprimore a sua maneira de sintetizá-lo, torná-lo claro, objetivo e interessante. 

Também é essencial fugir de estruturas mais engessadas e discursos que vão sempre para o mesmo caminho, pois eles podem cansar o seu público. 

Por isso, invista em recursos gráficos como infográficos, mapas mentais, vídeos e outros.

Esteja atento às pausas em um discurso

Assim como não é bom encher a sua audiência com conteúdos soltos para ocupar o tempo, também não é bom não dar espaço para que ela assimile o conteúdo apresentado.

Por isso, você deve fazer uma pausa entre as falas. As pausas são importantes para que a audiência consiga absorver o que foi dito, mas fazer pausas sem motivo não é muito profissional.

Uma estratégia que pode ser utilizada é realizar uma pergunta e esperar a plateia refletir sobre o que está sendo perguntado. 

Nessa pausa você pode beber uma água e ganhar um novo fôlego para continuar a apresentação.

Invista em Storytelling

Você entendeu mesmo o que é oratória? 

Se você entendeu, é bem provável que você já saiba que a sua narrativa deve ser impecável tanto para fazer o seu público se sentir atraído pelo conteúdo da sua palestra.

Para isso você pode utilizar uma técnica chamada Storytelling, que consiste em realizar uma narrativa dentro de um contexto específico que permita que o seu público se identifique ainda mais com o assunto. 

Você pode utilizar exemplos que também são bastante bem-vindos pelo público, quem não gosta de uma boa história, não é mesmo?

Entenda a importância da linguagem não verbal na oratória

Para transmitir confiança ao seu público é necessário estar atento à sua postura perante a sua audiência.

A postura pode indicar se você está retraído ou se está ansioso, e é importante que o público sinta que você está confiante, do contrário, como você espera conseguir persuadir alguém sem nem mesmo parecer confiante?

Os gestos também são importantes para a narrativa, pois eles podem dar ênfase a uma informação, mudar a entonação do que está sendo abordado, a linguagem corporal também faz parte de o que é oratória.

Quando abordamos o que é oratória também abordamos que ela vai além da linguagem oral e por isso você deve estar atento a maneira como se movimenta e também a sua postura diante do público, pois a linguagem corporal tem capacidade de atrair a atenção da plateia ou então distraí-la.

Não esqueça também de fazer contato visual com o seu público para que ele entenda que a presença dele realmente é importante.

E aprenda a ler suas expressões, esse pode ser um feedback valioso para saber se a sua oratória está mesmo alcançando as expectativas da audiência.

Cite pessoas conhecidas

Para dar embasamento a sua fala nada como trazer um exemplo real, por isso você pode pesquisar sobre as personalidades que são autoridade no assunto.

Utilizar pessoas como referência faz com que você adquira maior credibilidade e também faz com que o público se interesse mais pela palestra, principalmente se a personalidade citada é conhecida desse público.

Imagem vetorizada de uma mulher fazendo um checklist em uma planilha

Saber o que é oratória pode ajudar com o medo de falar em público?

Não saber como falar em público é natural para quem não tem nenhuma experiência, mas quem já enfrentou o público em algum momento da vida e se sentiu incapaz deve estar atento.

Pois, essa incapacidade pode estar associada a auto cobrança,  a um trauma, ou até mesmo da própria personalidade retraída da pessoa.

Nesses casos, é aconselhável que você busque ajuda profissional, para compreender melhor de onde surge esse medo. 

Algumas reações quando precisamos falar em público são naturais do organismo, pois ele entende que a exposição ao público é uma situação de risco e tende a dar uma descarga de adrenalina e isso nos mantém em estado de alerta.

Como consequência é natural surgir sintomas como ansiedade e estresse, mas você deve saber identificar quando isso vai além do que é considerado normal e acaba afetando a sua rotina.

Ou seja, não adianta saber o que é oratória e conhecer suas técnicas se o medo de falar em público está associado a algum trauma.

Entretanto, estar preparado, e seguir algumas das dicas que mencionamos acima provavelmente vai fazer você se sentir mais confiante e seguro de si. 

Lembre-se de estudar o conteúdo da sua apresentação e também elaborar um roteiro para servir de guia, se mantenha organizado e tente evitar passar por experiências estressantes seguidamente. 

Depois de saber o que é oratória aprimore seus conhecimentos

Nesse artigo, você foi capaz de entender o que é oratória e como é importante desenvolver essa habilidade e saber utilizá-la em diferentes momentos da sua vida.

Se você está em busca de crescimento profissional, a habilidade de comunicação é essencial e os recrutadores sabem disso. 

Por isso, é imprescindível que você continue estudando, praticando e pedindo feedback para pessoas próximas. 

Existem muitos conteúdos em livros, vídeos e até mesmo os cursos, como apresentamos anteriormente.

Absorva esses conteúdos, aprenda como aplicar essas técnicas ao segmento de mercado que você está inserido.

E pratique, pratique a ter a garantia de que está entregando um conteúdo único e de boa qualidade. 

Bons estudos!

Início Blog Comunicação O que é oratória e como melhorar a sua?
Se você curtiu esse artigo você também pode gostar desses ...
Comece a usar o JivoChat hoje!
Gostou do que leu?
Cadastre-se e teste o JivoChat agora mesmo!
É grátis e só leva alguns minutos para fazer o download