Ray Tracing: O que é e quais GPU's possuem essa tecnologia

20 de setembro de 2023
Tempo de leitura7 minutos
Felipe A.
Felipe A.
Redator

O Ray Tracing é uma tecnologia de renderização avançada utilizada em filmes, animações e jogos que simula o caminho que os raios de luz percorrem quando atingem objetos para criar imagens e efeitos mais realistas.

Essa tecnologia exige que a placa de vídeo tenha um alto poder de processamento para conseguir realizar os cálculos necessários, tanto que esse recurso esta presente apenas nas linha mais recentes de placas da Nvidia e AMD.

Quando o Ray Tracing Surgiu?

Apesar de muitas pessoas acharem que é uma novidade ou uma tecnologia recente, este recurso existe desde 1970 e era muito utilizado por estúdios de animação e efeitos visuais como uma forma de trazer mais realismo ao produto final.

Por estarem equipados com computadores poderosos e por trabalharem com imagens "prontas", os estúdios podem renderizar um único frame por minutos ou até mesmo horas, o que deixa o resultado mais realista e não interfere em nada no desempenho do filme.

Como o Ray Tracing funciona e é aplicado em jogos?

Conforme explicamos anteriormente, principal função do Ray Tracing nos jogos é simular o comportamento da luz em tempo real, deixando reflexos e iluminações de ambientes 3D com um aspectos mais realista.

Para conseguir entregar esse efeito, raios e traços de luz são lançados a partir do ponto de vista do jogador ou de uma câmera invisível em direção a todos os objetos presentes na cena, que normalmente são iluminados por uma fonte de luz pré-programada.

imagem que mostra o comparativo do Ray Tracing ligado e desligado no jogo The Witcher 3

À medida que essa luz se move e entra em contado com objetos, o Ray Tracing fica responsável por calcular como a luz interage com cada objeto. A partir dai que são criadas as sombras, os reflexos, as refrações e outros efeitos.

Porém, diferente dos filmes e das animações, a simulação dos traços de raio e do comportamento da luz nos jogos precisa ser feito em tempo real pela GPU do computador ou do console, o que demanda um grande poder de processamento.

Por que o Ray Tracing não está disponível em todas as placas de vídeo?

Esta é uma tecnologia muito complexa, para conseguir executa-la com uma certa eficiência o chip gráfico precisa ser desenvolvido com uma arquitetura especifica e otimizada que seja capaz de realizar os cálculos e as simulações em tempo real.

Apesar de ser possível utilizar o Ray Tracing em placas mais antigas e com menos poder de processamento, o resultado não é dos melhores. O impacto na performance é notável e fica praticamente impossível executar o jogo de forma estável.

Quais placas de vídeo e jogos possuem Ray Tracing?

Atualmente, todas a placas da Nvidia fabricadas a partir de 2018 oferecem suporte nativo a tecnologia, isso inclui toda a linha GeForce RTX 20XX, GeForce RTX 30XX e os mais recente lançamento da marca, a linha GeForce RTX 40XX.

As placas mais recentes da AMD que fazem parte da linha RX 6000 e RX 7000 também contam com suporte ao Ray Tracing, como: RX 6600 XT, RX 6700 XT, RX 6800, RX 6800 XT, RX 6900 XT, RX 7600, RX 7700 XT, RX 7800 XT, RX 7900 XT e RX 7900 XTX.

Confira também alguns jogos que já oferecem suporte a esta tecnologia:

  • Cyberpunk 2077;
  • Far Cry 6;
  • Resident Evil Village;
  • Battlefield 2042;
  • Battlefield V;
  • A Plague Tale: Requiem;
  • Call of Duty: Black Ops Cold War;
  • Call of Duty: Modern Warfare;
  • DOOM Eternal;
  • Dying Light 2 Stay Human;
  • Elden Ring;
  • Fortnite;
  • Halo Infinite;
  • Hellblade: Senua’s Sacrifice;
  • Hello Neighbor 2;

Quais são as melhores GPU’s com Ray Tracing?

A seguir, separamos algumas das melhores placas que estão disponíveis para comprar e são compatíveis com esse recurso:

1. RTX 4060 Ti 8GB GDDR6 128 Bits Ventus 2x OC MSI

O primeiro modelo da lista é a RTX 4060 Ti, uma placa de vídeo da NVIDIA de alto desempenho desenvolvida na mais nova arquitetura Ada Lovelace, que oferece suporte nativo ao Ray Tracing e já é compatível com o DLSS 3.

imagem de uma placa de vídeo RTX 4060Ti da MSI ao lado da caixa

Ela possui um consumo de energia de 160 Watts, entrega uma resolução máxima digital de 7680 x 4320 e trabalha com 4352 CUDA cores, 8GB de memória GDDR6, 2580 MHz, barramento 128 Bits, 3 entradas DisplayPort 1.4 e uma HDMI 2.1.

Ficha Técnica:

  • Arquitetura: Ada Lovelace;
  • Memória: 8GB GDDR6;
  • Clock: 2580 MHz;
  • PCI Express® Gen 4 x16;
  • CUDA Cores: 4352;
  • Consumo: 160W;
  • Compatibilidade: G-Sync, Ray Tracing, DLSS 3.0;
  • Entradas: 3x DisplayPort 1.4 e 1x HDMI 2.1;
  • Dimensões: 19.9 cm x 12 cm x 4.2 cm;
  • Peso: 546g;

2. RTX 4070 Ti 12GB GDDR6 192 Bits Ventus 3x MSI

Caso queira investir um pouco mais em troca de mais desempenho, você pode optar por adquirir esta RTX 4070 Ti da MSI, uma placa de vídeo que possui 12GB de memória GDDR6 e 2655 MHz de velocidade de clock.

imagem de uma placa de vídeo RTX 4070Ti da MSI ao lado da caixa

Além disso, a RTX 4070Ti oferece quase o dobro de Cuda Core’s e vem equipada com três ventoinhas que ajudam a manter a placa em uma temperatura estável. Com ela você tem acesso a 3 saídas DisplayPort 1.4 e uma HDMI 2.1.

Ficha Técnica:

  • Arquitetura: Ada Lovelace;
  • Memória: 12GB GDDR6X;
  • Clock: 2655 MHz;
  • PCI Express® Gen 4 x16;
  • CUDA Cores: 7680;
  • Consumo: 285W;
  • Compatibilidade: G-Sync, Ray Tracing, DLSS 3.0;
  • Entradas: 3x DisplayPort 1.4 e 1x HDMI 2.1;
  • Dimensões: 30.8 cm x 12.3 cm x 5.2 cm;
  • Peso: 1.1kg;

3. RTX 4090 24GB GDDR6X ROG Strix 384 Bits

A RTX 4090 é uma placa de vídeo top de linha da Nvidia projetada para atender o público entusiasta que está em busca de componentes que sejam capaz de entregar o melhor desempenho possível em todos os cenários.

imagem de uma placa de vídeo RTX 4090 ROG Strix da Asus com LED RGB ao lado da caixa

Este modelo da Asus da linha ROG Strix está equipado com 16384 Cuda Core’s, 24GB de memória de vídeo GDDR6X, uma interface de 384 bits e é capaz de alcançar uma velocidade de até 2640 MHz no modo OC.

Ficha Técnica:

  • Arquitetura: Ada Lovelace;
  • Memória: 24GB GDDR6X;
  • Clock: 2640 MHz;
  • PCI Express® Gen 4 x16;
  • CUDA Cores: 16384;
  • Consumo: 450W;
  • Compatibilidade: G-Sync, Ray Tracing, DLSS 3.5;
  • Entradas: 3x DisplayPort 1.4 e 2x HDMI 2.1;
  • Dimensões: 35.7 cm x 14.9 cm x 7.1 cm;
  • Peso: 3.65kg;

4. AMD Radeon RX 7600 8GB MSI Mech 2X Classic

A próxima opção da lista é a Radeon RX 7600 da AMD, um lançamento muito recente da marca que vem equipado com 8GB de memória de vídeo GDDR6, 3 entradas DisplayPort 1.4 e uma entrada HDMI 2.1 compatível com 4K@120Hz.

imagem de uma placa de vídeo Radeon RX 7600 da MSI ao lado da caixa

Projetada na arquitetura RDNA 3 esta placa de vídeo da AMD é uma ótima opção de investimento para quem pretende jogar jogos em 1080p. A RX 7600 é compatível com Ray Tracing, DirectX 12 Ultimate e Codec AV1.

Ficha Técnica:

  • Arquitetura: RDNA 3;
  • Memória: 8GB GDDR6;
  • Clock: 2625 MHz;
  • PCI Express® Gen 4 x8;
  • Consumo: 365W;
  • Compatibilidade: Free Sync, Ray Tracing, AV1, DirectX 12;
  • Entradas: 3x DisplayPort 1.4 e 2x HDMI 2.1;
  • Dimensões: 23.5 cm x 12.5 cm x 4.7 cm;
  • Peso: 1kg;

5. AMD Radeon RX 7900 XT 20GB PowerColor HellHound

Por ultimo, mas não menos importante, temos a RX 7900 XT, uma placa de vídeo high-end, capaz de rodar jogos em 4K com gráficos em alta qualidade e entregando um excelente desempenho, inclusive com Ray Tracing ligado.

imagem de uma placa de vídeo Radeon RX 7900 XT da MSI ao lado da caixa

Semelhante ao modelo anterior, a RX 7900 XT foi projetada na nova microarquitetura RDNA 3 que promete saltos consideráveis de performance e eficiência, principalmente quanto compara a geração passada de placas.

Ela conta com 20 GB de memória de vídeo em GDDR6, 320 bit, clock base de 2000MHz que pode alcançar até 2400MHZ, 5376 unidades computacionais, 336 TMU’s e um consumo médio de aproximadamente 300 Watts.

Ficha Técnica:

  • Arquitetura: RDNA 3;
  • Memória: 20GB GDDR6;
  • Clock: 2400 MHz;
  • PCI Express® Gen 4 x16;
  • Consumo: 300W;
  • Compatibilidade: Free Sync, Ray Tracing, AV1, DirectX 12, Fidelityfx, Radeon Anti-lag;
  • Entradas: 2x DisplayPort 2.1, 1x HDMI 2.1, 1x USB-C;
  • Dimensões: 23.5 cm x 12.5 cm x 4.7 cm;
  • Peso: 2.2kg;

Aprendeu como funciona o Ray Tracing?

Esperamos que nosso guia tenha te ajudado a entender um pouco melhor como essa tecnologia funciona, além de permitir que você encontre uma placa de vídeo que seja capaz de executa-la com um bom desempenho.

Nós somos participantes do programa de associados da Amazon Services LLC, um programa de afiliados projetado para proporcionar comissões de vendas através do direcionamento para páginas da Amazon e seus demais sites relacionados

Compartilhe com seus amigos!
Gostou do que leu?
Cadastre-se e teste o JivoChat agora mesmo!
É grátis e só leva alguns minutos para fazer o download