14 técnicas de estudo para melhorar seu desempenho

10 de janeiro de 2023
Tempo de leitura11 minutos
Guilherme M.
Guilherme M.
Redator

As técnicas de estudos foram desenvolvidas para aprender de uma forma mais produtiva e eficiente, possibilitando alcançar os resultados esperados e otimizando seu tempo.

Essas ferramentas potencializam potencializando o estudo, melhorando o desempenho e a retenção dos conteúdos. O que é fundamental para quem irá fazer provas e exames competitivos.

As técnicas podem ajudar de várias formas: organizando sua rotina para estudar uma variedade maior de matérias, manter a concentração, evitar distrações e outros hábitos que podem prejudicar seu desempenho.

Se você tem interesse em aprender a otimizar seu tempo e melhorar a qualidade dos seus estudos, confira nossa lista com as principais técnicas para estudos.

O quão importante é usar técnicas de estudo?

As pessoas têm cada vez menos tempo e precisam encontrar formas inteligentes e bem otimizadas de aprender com o tempo disponível.

Com os estudos também é assim, principalmente em contexto de alta exigência técnica em provas e no mercado de trabalho.

Isso faz com que as pessoas busquem ao máximo otimizar seus estudos, reduzindo o tempo e melhorando a qualidade do seu aprendizado.

Essas técnicas e ferramentas permitem às pessoas fixar mais conteúdo em menos tempo, criando uma rotina de estudos mais efetiva.

De forma geral, as técnicas de estudo são importantes porque oferecem a possibilidade de:

  • Melhorar seus resultados
  • Otimiza sua rotina
  • Aumenta a motivação
  • Otimiza seu tempo
  • Permite alcançar objetivos estipulados

14 melhores técnicas de estudo para melhorar seu desempenho

Confira a seguir as principais técnicas e métodos de estudo para melhorar os resultados.

1. Releitura

Uma das dicas mais simples e práticas é fazer a releitura, uma forma interessante de memorizar o conteúdo visto.

Isso porque fazer a releitura possibilita que os estudantes voltem ao conteúdo a partir de um novo olhar e com novas ideias.

Essa dica pode ser muito mais efetiva do que apenas grifar ou sublinhar o conteúdo. Além disso, reler permite listar palavras-chave que podem ajudar a organizar os temas lidos.

A técnica é fundamental para quem mantém uma rotina de estudos diária. O que foi aprendido durante a aula pode ser reforçado em casa. Dessa forma, as matérias não acumulam e fica mais fácil se preparar para uma prova.

2. Mapas mentais

Criar mapas mentais é uma das formas mais eficientes de reunir e resumir as principais informações de um conteúdo.

A proposta é criar um diagrama que usa ícones, flechas e palavras para tornar a visualização das informações mais lógica.

Usar a criatividade é importante, usando formas, cores e destaques. É importante ressaltar que o conteúdo deve ser bem organizado e visualmente atrativo para alcançar o efeito desejado.

A técnica também ajuda a otimizar o tempo na hora de fazer revisões, mantendo o conteúdo bem resumido e consolidado.

Por fim, uma de suas principais vantagens é oferecer a possibilidade de associar o tema.

3. Técnica Pomodoro

Uma das técnicas de estudo mais conhecidas é o método Pomodoro, que pode ser aplicado em qualquer área do conhecimento e até mesmo para trabalhos.

O método consiste em estudar por 25 minutos ininterruptamente, depois, descansar por 15 minutos.

A proposta é que o cérebro seja capaz de descansar para ter fôlego e voltar a estudar com seu máximo potencial.

O ciclo deve ser repetido várias vezes durante seu período de estudos.

4. Método EPL2R

O método EPL2R tem seu nome originado das etapas que devem ser seguidas ao estudar usando essa técnica:

  • Explorar
  • Perguntar
  • Ler
  • Rememorar e repassar

A proposta é que os estudantes explorem o conteúdo disponível, seja em apostilas, videoaulas, podcasts.

Depois, é preciso fazer perguntas relacionadas ao tema, então, fazer uma leitura em busca das respostas e por fim, lembrar e repassar os questionamentos para fixar o que foi aprendido.

5. Estudo intercalado

Essa técnica de estudo consiste em fazer um rodízio de matérias de forma aleatória.

A troca de disciplinas e temas ajuda a manter o foco no estudo, ajudando para que seja capaz de estudar por mais tempo.

Isso porque estudar um mesmo tempo por horas seguidas pode fazer com que o cérebro se acostume com o assunto, prejudicando sua concentração.

Portanto, mudar a matéria que está sendo focada após certo tempo é importante para manter o ânimo e interesse no estudo, estimulando formas de pensar diferente.

A técnica se mostra ainda mais efetiva ao ser aplicada em conteúdos que exigem o raciocínio lógico, como nas ciências exatas.

A alternância de disciplina torna o aprendizado completo e menos cansativo para o estudante.

6. Autoexplicação

A autoexplicação é uma forma bem interessante de entender um conteúdo. A técnica consiste em se imaginar como um professor que precisa preparar uma aula sobre aquele assunto.

Depois de preparar sua aula, é preciso falar sobre o conteúdo em voz alta, da mesma forma como se estivesse ensinando alguém. Uma dica é fazer isso em frente ao espelho.

7. Teste prático

Fazer testes práticos sobre o conteúdo que está estudando é uma das melhores formas de melhorar seu aprendizado.

Segundo pesquisas científicas, realizar testes práticos pode ser um método até duas vezes mais eficiente que outras técnicas.

Isso é ainda mais relevante para pessoas que buscam passar em concursos públicos. Nesse caso a recomendação é fazer inúmeros exercícios de provas anteriores.

8. Estudo mnemônico

A técnica de estudo e memorização mnemônica consiste na utilização de siglas para lembrar com mais facilidade sobre aspectos específicos de um conteúdo.

É importante ressaltar que esse tipo de estudo é usado para criar associações em conteúdos que precisam ser memorizados corretamente.

Afinal, é muito mais difícil criar associações em materiais que não podem ser identificados por palavras-chave.

A melhor forma de entender esse método é conferir um exemplo. Uma de suas aplicações mais comuns é memorizar fórmulas.

Caso seu foco de estudo seja a física e seja necessário aprender a função da velocidade para o movimento variado, será necessário decorar a fórmula: V = Vo + a.t.

Esses são os elementos que compõe a função

  • V: a velocidade final do móvel
  • Vo: a velocidade inicial do móvel
  • a: a aceleração do móvel
  • t: o tempo

Memorizar cada uma das variáveis pode ser algo complicado, principalmente quando existe a possibilidade de ter um “branco” durante uma prova.

Quem optar pelo estudo mnemônico pode usar a frase “Vi a vó antes da tia”, tendo a letra inicial de cada palavra da oração relacionada à fórmula.

9. Flashcards

Flashcards são recursos alternativos para quem tem como objetivo memorizar determinados temas de algum conteúdo.

Os flashcards são cartões em que estão relacionados os conceitos aprendidos, de forma geral, com um sistema de perguntas e respostas sobre a matéria abordada.

Isso facilita a revisão do conteúdo aprendido, permitindo que o estudante consiga praticar a técnica de repetição espaçada.

O método ajuda no rendimento escolar e também otimiza o tempo de estudo.

Para montar os cartões basta usar um papel mais resistente e escrever em cada lado do papel uma palavra-chave e uma resposta.

10. Grifar

Que tal usar uma das técnicas mais simples, práticas e que funcionam? Basta usar seu marca-texto para destacar tópicos e trechos importantes em sua leitura.

É claro, apenas grifar as frases em suas apostilas e livros não vai adiantar. Contudo, depois de uma leitura mais aprofundada será possível voltar e ler as partes mais interessantes dos conteúdos.

Usar cores diferentes de marca-texto também é uma forma inteligente de desenvolver seu esquema de estudo.

Deixe uma cor para destacar temas mais difíceis que precisam ser revisados mais vezes. Com outra cor, destaque temas mais fáceis e que já assimilou, em que não será preciso revisar tanto.

Isso permite gerenciar melhor seu tempo, tendo melhores resultados ao focar nos conteúdos que precisam de mais atenção.

11. Resumos

O resumo é uma das técnicas de estudo e aprendizagem mais conhecidas e mais eficientes para fixar um conteúdo.

A ideia é sintetizar um tópico de uma matéria no formato de texto, onde estão distribuídos os aspectos mais relevantes de uma forma fluída e reduzida.

Para fazer bons resumos é importante contar com anotações e mapas mentais feitos durante suas aulas ou sessões de estudo.

Também é interessante destacar palavras-chave e termos relevantes para que aquela matéria seja compreendida por completo.

Dessa forma irá contar com um material muito interessante à disposição quando for preciso revisitar os tópicos já estudados.

12. Gravações de áudio

Para muitas pessoas ler e reler um conteúdo é algo que pode ser muito maçante e cansativo.

Uma forma de tornar esse processo mais dinâmico é fazer gravações de áudio.

Usando seu próprio celular, leia os conteúdos que está estudando em voz alta e aproveite para gravá-los. Depois, escute a gravação quantas vezes for necessário.

Um ótimo benefício dessa técnica é a possibilidade de otimizar seu tempo ouvindo os áudios no ônibus, em seu carro, enquanto limpa a casa e até mesmo enquanto pratica exercícios físicos.

13. Organização do espaço

Por mais que não esteja diretamente relacionada ao ato de estudar, organizar seu espaço de estudo é algo essencial para conseguir um bom desempenho.

Essa prática também ajuda a melhorar seu gerenciamento do tempo e até mesmo evita a perda de materiais.

A ideia é criar um ambiente agradável que ajuda o estudante a manter o foco no conteúdo, sem distrações para atrapalhar.

Contudo, antes de começar sua organização será necessário levar em consideração todas as suas atividades e reservar tempo para cada uma delas.

Dessa forma será possível definir prioridades, equilibrar as tarefas, manter a produtividade e o desempenho nos estudos.

14. Prática distribuída

Essa técnica de estudo está diretamente relacionada à gestão de tempo e à produtividade.

A técnica consiste em dividir os horários de estudos ao invés de ficar estudando por um longo período de tempo.

A proposta faz com que os estudantes tenham o compromisso de aprender e revisar matérias diariamente, podendo determinar o intervalo entre os momentos.

Esses intervalos são importantes para descansar a mente e o corpo, fazer outras tarefas de casa e ajudar na retomada da concentração.

4 melhores cursos de técnicas de estudo para otimizar seu aprendizado

Se você tem interesse em aprender a otimizar seus estudos, confira a seguir recomendações de cursos que podem ajudar nessa tarefa.

1. Técnicas de Estudos – Descubra como hacker os seus estudos

Esse é um curso recomendado para todas as pessoas que desejam otimizar seu tempo e qualidade de estudo.

O material ensina a estudar de forma eficiente, montar seu plano de estudos, técnicas de memorização, gestão de tempo e até mesmo apresenta seu comportamento de aprendizagem.

Quem optar pelo conteúdo também irá conhecer técnicas variadas, seu perfil educacional, técnicas de resumo, como fazer um mapa mental, gestão pessoal e emocional.

Carga horária: 13 horas

Certificado: Oferece certificado de conclusão.

Principais tópicos:

  • Conhecendo você
  • Estado atual
  • Primeiros passos
  • Perfil de aprendizagem
  • Técnicas de estudo
  • Como montar um plano de estudo
  • Perto e durante a prova

Tipo de acesso: Acesso ilimitado na plataforma Udemy.

2. Mapas Mentais | Revolução Estudo, Raciocínio e Memorização

Esse curso traz uma perspectiva revolucionária sobre os mapas mentais. Diferente da maior parte das abordagens sobre o tempo, o material usa uma metodologia passo a passo de como funciona o raciocínio e processos mentais na elaboração de um mapa eficiente.

O material também mostra como realizá-lo em cada situação, porque e quando realizá-lo.

O curso é focado nos detalhes, completo e didático. A proposta é uma visão orgânica e contextual do tema, além de ser amparado por teorias e autores consagrados.

Carga horária: 3 horas

Certificado: Oferece certificado de conclusão.

Principais tópicos:

  • Anotações lineares x Anotações irradiantes
  • Desenvolvendo um novo molde de pensamento
  • Organizando ideias e raciocínio com mapas mentais
  • Mapas mentais para estudo e memorização
  • Peças de um mapa mental
  • Quando usar e quando não usar mapas mentais
  • Passo a passo

Tipo de acesso: Acesso ilimitado na plataforma Udemy.

3. Hiper-Memória & Hiper-Aprendizagem

Esse curso de técnicas de estudo ensina como aprender, como anotar, como e quando revisar, mnemônica e memorização, incorporação em mapas mentais e zip.

O conteúdo mostra como desenvolver a capacidade de transformar memórias de curto-prazo em memórias de longo-prazo.

As aulas também mostram como aprender com o modo mais moderno e eficiente, baseado em autores consagrados da literatura de meta-aprendizagem, como Tony Buzanm e Gunther Beyer.

Carga horária: 2,5 horas

Certificado: Oferece certificado de conclusão.

Principais tópicos:

  • Posicionamento mental do entendimento e captação das informações
  • Anotações
  • Exercício de posicionamento mental e anotações
  • Memorização de longo prazo e revisões sistemáticas
  • Bloqueios de aprendizagem e busca de informações
  • Zip, mnemônica e incorporação
  • Mapa mental e hacks

Tipo de acesso: Acesso ilimitado na plataforma Udemy.

4. MAE – Método Ágil de Estudos

O curso ensina em até quatro semanas a se transformar em estudantes excelentes, capazes de vencer a ansiedade e a procrastinação através de um método simples e eficiente, baseado em técnicas de gestão de projetos e na cultura ágil de soluções.

O MAE – Método Ágil de Estudos é um treinamento que aplica métodos simples e eficientes de estudos.

A proposta do método é trabalhar sobre três pilares: controle do ambiente, ajuste no comportamento e técnicas de planejamento e estudos.

Ao ser aplicada, a metodologia traz um avanço expressivo nos resultados de qualquer pessoa.

Carga horária: 3,5 horas

Certificado: Oferece certificado de conclusão.

Principais tópicos:

  • Mentalidade e comportamento
  • Ambiente de estudos
  • Planejamento
  • Técnicas de produtividade
  • Técnicas de estudos
  • Técnicas de revisão

Tipo de acesso: Acesso ilimitado na plataforma Udemy.

Conferiu as melhores técnicas de estudo?

Esperamos que o nosso artigo tenha ajudado você a otimizar seus estudos com dicas de técnicas e cursos que podem melhorar consideravelmente seus resultados.

Caso tenha interesse em uma ferramenta para criar mapas mentais mais completos e interativos, confira nossa lista com as melhores ferramentas para criar mapas mentais.

Compartilhe com seus amigos!
Gostou do que leu?
Cadastre-se e teste o JivoChat agora mesmo!
É grátis e só leva alguns minutos para fazer o download