Automação no Ecommerce: Como Fazer as Máquinas Trabalharem por Você

Descubra como a automação melhora a eficiência de seus processos

O e-commerce facilitou em muito a vida do consumidor. O grande catálogo de produtos disponíveis a um clique e a praticidade de receber o produto em casa fez com que muitos clientes preferissem a compra virtual.

Contudo, a facilidade de acesso às informações também fez com que o mercado ficasse mais exigente. O consumidor pode abrir várias abas no navegador e comparar o custo-benefício de diversos produtos e fornecedoras.

Dessa maneira, é necessário pensar em alternativas que mantenham o seu ecommerce relevante, como, por exemplo, reduzir o gasto com atividades operacionais e repetitivas para direcionar investimento em melhorias mais inovadoras.

A burocracia faz parte da necessidade de qualquer negócio, mas, ao reduzi-la, é possível oferecer um serviço mais ágil para seu cliente. Quanto mais dinâmica for a entrega, maior vai ser a satisfação do seu cliente.

Dessa forma, como parte das inovações tecnológicas mais recentes, os softwares de automação em nuvem têm muito a oferecer para o ecommerce.

A partir deles, as empresas podem automatizar as tarefas manuais e burocráticas que podem atrasar processos. Assim, seus colaboradores podem se preocupar mais com novas estratégias e oportunidades, ao invés de apenas garantir o funcionamento da operação.

Quer saber como a automação de processos no e-commerce pode tornar seu negócio ainda mais concorrente no mercado? Então continue lendo logo a seguir!

Atraia mais clientes

Nunca foi tão fácil comprar, mas isso não significa que tornou fácil vender.

Apenas disponibilizar seu produto num domínio online e esperar que os clientes simplesmente apareçam não é a melhor forma de atrair oportunidades. Da mesma maneira, nem todo mundo que acessa seu site vai fechar a compra assim que ver o seu produto.

Por isso é importante ter ferramentas que atraiam mais clientes e os mantenham frequentemente acessando seus sites.

Automação de e-mail

Um dos canais utilizados para gerar mais demanda para um e-commerce, por exemplo, é o de e-mail marketing, oferecendo produtos, ofertas e novidades à seus clientes, e, assim, fomentando a comunicação.

Entretanto, as tarefas de desenvolvimento e, principalmente, envio desses e-mails, podem ser dispendiosas.

Segmentar bases de contatos para fazer o envio das ofertas corretas para cada perfil é uma tarefa muito complexa para ser feita de forma manual. Por isso, uma das principais automações para um e-commerce é a automação de e-mails.

Ao enviar e-mails automaticamente, você mantém um fluxo de mensagens que podem interessar ao seu cliente sem precisar redigi-las para cada caso. Contudo, esse método exige algum cuidado.

Apesar da automação economizar tempo, é necessário criar alguma segmentação para não tornar as mensagens tão genéricas. Dessa forma, o que os serviços de automação de e-mails oferecem é a criação de listas divididas por características dos clientes, como segmento, profissão, sexo ou até mesmo a partir de seu histórico de compras.

O critério a ser utilizado para a divisão pode ser adaptado conforme suas necessidades. Um escritório corporativo e uma planta de chão de fábrica, por exemplo, vão pedir produtos e serviços diferentes para si.

Assim, basta adaptar a mensagem uma única vez para cada segmento e enviar para o maior número possível de atuais e possíveis clientes.

Chatbots

Outro fator importante para a atração de novos clientes no e-commerce é a necessidade de um atendimento rápido e eficaz. Por ser um canal online, o consumidor precisa ter os melhores meios de tirar dúvidas sem interferência humana.

Um cliente com dúvidas sobre um produto dificilmente vai querer ligar direto para o atendimento. Portanto, outra automação relevante para o e-commerce são os chatbots.

Os chatbots são programas que dão respostas automáticas no chat para perguntas pré-configuradas, representando o papel de um atendente especializado.

Por meio deles é possível escrever uma mensagem automática convidando o visitante a fazer contato. Além disso, é possível personalizar essa mensagem conforme o padrão de comportamento do usuário. Dessa forma, seus visitantes podem receber mensagens realmente convidativas, incentivando o contato.

Uma vez que o usuário responde, a conversa será enviada para a plataforma de um dos seus colaboradores, que poderá fazer um atendimento pessoal e exclusivo para aquele cliente a partir de diversas redes, como Facebook, Instagram, Viber ou mesmo o próprio chat do site.

Leia também: 10 Melhores Convites Proativos Para Um Chatbot na Sua Loja Virtual

Automação no Ecommerce com Chatbots

Garanta a entrega

Agora que você atraiu cliente, é necessário garantir que a venda será concluída, o que sabemos que não é uma tarefa muito fácil.

Uma reclamação frequente em vendas online é a falta de disponibilidade de um produto ou outros problemas relacionados à logística.

Perder uma venda pelo simples fato de não ter um produto é ruim para a empresa não apenas pela oportunidade perdida, como pode prejudicar ainda mais a percepção sobre sua marca caso a indisponibilidade seja percebida apenas após a venda.

Dessa forma, é importante ter uma ferramenta de automação para e-commerce capaz de ajudar no controle do seu estoque. Planilhas e cadernos podem ajudar quando o volume de vendas é baixo, mas ainda assim permitem erro humano.

Ao fazer uso de um sistema que registra todos seus produtos disponíveis, é possível se programar para novas aquisições, assim como avaliar melhor qual é o momento certo para uma promoção, caso seus produtos estejam parados a muito tempo.

Além disso, quando integrado a um sistema de vendas, é possível ter dados mais robustos sobre quais produtos estão tendo maior procura. Dessa forma, você pode priorizar a compra de determinados produtos para revenda ou dos materiais necessários para a produção.

Tenha um atendimento rápido e eficaz

É importante lembrar que a venda não acaba depois do produto ser entregue. Um cliente pode ter dúvidas sobre a garantia de um produto ou questionar a falta deles -e ele não vai poder ir até uma loja física para tirar sua dúvida.

Dependendo do ciclo de vida do seu produto pode ser que um mesmo comprador venha a fazer contato mais de uma vez. Assim, estar sempre atento às suas reclamações também é um processo importante para fidelizar esse cliente dentro do seu negócio.

Se você ainda tivesse a possibilidade de registrar e encaminhar essas reclamações seria possível encontrar pontos de melhoria dos seus processos.

Felizmente, existem plataformas de automação que podem ajudar seu ecommerce nisso: os sistemas de atendimento.

Além deles também agirem por meio de chatbots, é possível encaminhar o cliente para um atendente de forma automática. Então um ticket de atendimento é gerado, também de forma automática, com todas as informações referentes ao atendimento, como quais foram as dificuldades enfrentadas pelo cliente e se o problema foi resolvido ou não.

Depois, esses dados podem ser avaliados para a melhoria da entrega ou do próprio produto oferecido.

Automação no Ecommerce: a praticidade para melhores resultados

Vender mais sempre é uma tarefa que exigiu maior esforço, mas é necessário também evitar que seus colaboradores estejam estressando a operação ao invés de gerar resultados.

Para o comércio digital isso é ainda mais latente. A concorrência com diversos portais exige a satisfação do cliente em todas fases da compra como diferencial, processo que só é possível através de ferramentas que forneçam base para isso.

Portanto, a automação tem muito a oferecer para o ecommerce. A vantagem desse segmento em normalmente já utilizar computação em nuvem ajuda na implementação de plataformas de automação.

Caso você tenha interesse em uma plataforma de automação voltada para CRM (Gestão de Relacionamento com Clientes), a Ploomes oferece uma solução com diversas funcionalidades em um sistema voltado para atender tanto gestores quanto vendedores, além de poder ser integrado ao JivoChat. Caso queira saber mais, acesse nossa página agora mesmo!

2019/06/ 5

Se você curtiu esse artigo você também pode gostar desses ...

Dicas para ecommerce, conversão e suporte