7 Métricas de Ecommerce e KPIs Que Você Deve Acompanhar

Seja capaz de medir o desempenho de seu ecommerce com estas métricas

O mercado de ecommerces cresce anualmente, com cada vez mais clientes fazendo navegando entre diferentes concorrentes na hora de escolher seus produtos e efetuar uma compra. É levando este crescimento em consideração que diversos empreendedores buscam formas de abrir sua própria loja virtual.

Porém, como saber se o seu ecommerce, assim como suas ações de marketing digital e vendas estão tendo um bom desempenho e trazendo os resultados esperados? A resposta para isso estão nas diferentes métricas e KPIs (Key Performance Indicator, ou indicadores-chave de desempenho, em português) disponíveis.

Não tem certeza sobre quais dados avaliar para garantir o sucesso de seu negócio online? Então aproveite nosso conteúdo e conheça as principais métricas de ecommerce que você deve acompanhar. E não deixe de impulsioná-las com o JivoChat em sua página para atender visitantes em tempo real.

1. Taxa de conversão

Essa é uma das principais métricas de ecommerce, tendo como propósito indicar exatamente os resultados de suas ações em relação às suas vendas.

Ela é versátil, podendo ser aplicada em diversas áreas de seu negócio, desde a conversão de suas campanhas de marketing e landing pages até a análise do número de visitantes que compraram em sua loja durante determinado período de tempo.

Esta taxa pode ser calculada utilizando a seguinte fórmula:

( Número de Conversões / Número de Visitantes ) x 100

Gerando um resultado em porcentagem indicando sua taxa de conversão. Além disso, você também pode acompanhá-la ao integrar seu ecommerce ao Google Analytics.

De acordo com estatísticas da Invesp, a taxa de conversão média para ecommerces está entre 2% e 4%. Portanto, faça o cálculo e verifique se o seu negócio está vendendo como deveria e mantendo-se pelo menos dentro desta média.

Leia também: 10 Dicas Para Aumentar as Taxas de Conversão do Seu E-commerce

2. Taxa de carrinhos abandonados

Esta taxa é muito importante e, frequentemente, remete diretamente aos seus meios de pagamento, logística de entrega e também à qualidade das informações disponíveis na página do produto, assim como o desempenho dos seus canais de atendimento para tirar dúvidas o quanto antes.

Ela é calculada utilizando o número de visitantes que incluíram produtos no carrinho, mas não finalizaram a compra, desistindo em algum ponto durante sua jornada, inclusive na página de checkout.

Ela também pode ser acompanhada no Google Analytics, ao configurar seu funil de vendas e, de acordo com um estudo do Baymard Institute, a taxa média de abandono de carrinhos é de 69.89%.

3. Valor do ticket médio

Esta métrica refere diretamente à quanto cada cliente gasta, em média, em uma compra no seu ecommerce. Ela normalmente é calculada mensalmente, mas pode ser utilizada para qualquer intervalo de datas, a partir da seguinte fórmula:

Receita de determinado período de tempo / Número de clientes que compraram

Se está buscando formas de aumentar o valor do ticket médio, busque formas de recompensar o cliente por comprar mais produtos. Algumas estratégias comumente vistas são descontar o valor do frete para compras a partir de certo valor, oferecer brindes ou cupons de desconto através de convites proativos, entre outras técnicas de Upsell.

4. Customer Lifetime Value

O CLV, ou valor do tempo de vida do cliente, em português, é uma métrica de ecommerce que está diretamente relacionada ao valor do ticket médio. Ela pode ser um pouco confusa, mas é importante por indicar o quanto seu ecommerce deve investir na retenção de clientes.

Para aumentar o CLV, ecommerces comumente investem em programas de fidelidade, por exemplo, além de trabalhar com um pós-venda de qualidade para aumentar as chances de reativar clientes. Produzimos um material dedicado para ajudá-lo a calcular o valor do tempo de vida do cliente.

5. Custo de Aquisição de Clientes

O CAC, como o próprio nome já indica, é uma métrica de ecommerce que indica o quanto seu ecommerce está investindo para atrair e conquistar novos clientes. Para que seu ecommerce tenha lucro com cada cliente, a partir de ações e estratégias de marketing digital, seu CAC deve ser menor que o CLV.

Idealmente, o custo de aquisição de clientes deve ser calculado para cada canal de tráfego utilizado em seu ecommerce, podendo ser calculado utilizando esta fórmula:

Valor investido em determinada campanha / Número de clientes adquiridos

Se o resultado for menor que o CLV, você não está tendo prejuízo ao adquirir novos clientes, visto que o valor gasto pelos mesmos em seus produtos e serviços é maior que o custo para conquistá-los e retê-los.

6. Sessões Orgânicas

Acompanhar o número de sessões orgânicas te possibilita avaliar o resultado de suas ações de SEO (Search Engine Optimization, ou otimização para mecanismos de busca, em português). Sessões orgânicas são todas aquelas iniciadas a partir de uma busca no Google, Yahoo, ou outro mecanismo, não envolvendo qualquer anúncio pago ou direcionado, por exemplo.

Esta métrica pode ser acompanhada diretamente pelo Google Analytics, acessando a seção de tráfego por canais.

Para aumentar o número de sessões orgânicas, você deve otimizar diversos aspectos de seu ecommerce, como melhorar a utilização de palavras-chave e títulos na página de produto, trabalhar com URLs amigáveis e imagens leves, entre diversas outras estratégias para aumentar a relevância de seu ecommerce.

7. ROI

O Return on Investment é uma das principais métricas de ecommerce, sendo utilizada para calcular - como o próprio nome indica - o valor do retorno obtido em relação à quanto foi investido.

Seu resultado é apresentado em porcentagem e ele pode ser calculado utilizando a seguinte fórmula:

( ( Receita - Custo ) / Custo ) * 100

O ROI pode ser aplicado para diversas áreas de seu ecommerce, como o investimento em ações de marketing digital, por exemplo. É importante também levar em consideração o tempo de duração do investimento, assim como possíveis eventos e ocasiões que podem afetar o valor, como datas comemorativas, natal, black friday, entre outros.

Métricas de Ecommerce e Otimizar o Atendimento Com O JivoChat

Como o JivoChat melhora suas métricas de ecommerce

Ao avaliar diversas métricas de ecommerce, é normal que empreendedores pensem principalmente nas estratégias de marketing e vendas, visando trabalhar sobre o valor dos produtos, planejando anúncios e campanhas, considerando oferecer programas de fidelidade, descontos, entre outros.

Porém, é importante lembrar que o atendimento ao cliente é outro fator crítico para o sucesso de seu negócio. Pensando nisso, considere investir em um chat online para sua loja, como o JivoChat. Ele é projetado para melhorar suas chances de conversão, assim como aumentar o valor do ticket médio, CLV e ajudar a evitar carrinhos abandonados.

2019/02/26

Se você curtiu esse artigo você também pode gostar desses ...

Dicas para ecommerce, conversão e suporte