Os 16 passos para configurar o Analytics para seu ecommerce

Tão importante quanto fechar uma venda é ser capaz de analisar seu resultado

Tão importante quanto fechar vendas, faturar, lucrar e crescer é a possibilidade de fazer uma auto-avaliação de seu negócio. E para saber tudo sobre o seu negócio, existe uma ferramenta que você tem que obrigatoriamente usar: o Google Analytics.

O termo pode não ser comum para quem está começando no meio digital, mas é uma primeira necessidade usar, ao menos, suas funções básicas. Através dele é que saberá o que está dando certo, o que não vai tão bem e receber insights de como melhorar sua presença online. Por isso, reunimos aqui os 16 passos para que comece a usar o seu Google Analytics no ecommerce, desde a criação da conta até as diferentes maneiras de visualizar um relatório. Preparado?

Leia também: 10 razões para usar o Jivochat em seu ecommerce

1. Crie sua conta

O primeiro passo não podia ser outro. Para começar a analisar a performance de seus sites e projetos, é necessário usar sua conta do Google para criação da conta no Analytics. Pode ser a mesma que usa para acessar seu Drive ou emails. Caso não possua a conta, será necessário criar uma antes de prosseguir. Ao fazer o login, será levado a um formulário a ser preenchido com as configurações iniciais, colocando os sites que deseja rastrear naquela conta.

criar conta no Google Analytics

2. Atribuindo a propriedade aos usuários

Caso esteja criando uma conta no Analytics para vários usuários usarem, será nesse passo que definirá a hierarquia dos acessos para cada site. Você pode definir se um usuário poderá apenas visualizar relatórios, configurar pesquisa ou se terá acesso total aos Analytics de seus sites. É possível personalizar o nível de acesso de um usuário para cada site em questão, dando acesso total a um site e apenas permissão para visualização em outro, por exemplo.

3. Entendendo a hierarquia de acessos ao Analytics

Nos dois passos anteriores, assumimos que esteja montando uma conta para apenas um site, mas essa não é a realidade de muitas ecommerces e, mesmo que seja iniciante no Analytics, já pode não ser a sua. Mesmo não sendo um passo por si só, vale a pena estabelecer essa pausa para que entenda como essa pirâmide funciona.

hierarquia de acessos no google analytics

Em primeiro lugar vem a sua conta, que será a administradora dos sites e campanha. Seguidamente, vem a propriedade, que rege os tipos de acessos dos sites e configurada logo após a criação do Analytics. Em terceiro lugar vem os sites em si e suas informações. Por fim, vem os usuários, que poderão visualizar as informações dos sites de acordo com a configuração de propriedade, estabelecido pelo dono da conta e fechando a hierarquia com as permissões.

4. Instale o código de rastreio em todas suas páginas

Ao terminar a criação de sua conta, você receberá um código de rastreio, que deve ser incluso em todas as suas páginas para que os resultados possam aparecer no Analytics. Existem diferentes métodos para inclusão desse código, que dependerão de que tipo de página possui. Um ecommerce criado no Shopify, um dos 20 sites que citamos em nossa lista de páginas para criar seu ecommerce, por exemplo, permite que inclua o código nas configurações da loja.

instalação do código no Google Analytics

5. Instalando o rastreador de ecommerce

Existe um rastreador do Analytics exclusivo para ecommerce, primordial para acompanhar sua performance em relação às conversões. Para isso, é necessário que escolha a propriedade e o site de vendas em específico, seguir para a coluna de visualizações e escolher a opção configurações de comércio eletrônico e escolher a opção Ativar comércio eletrônico. Após a habilitação, basta prosseguir para o próximo passo. Não deixe de conferir a página de suporte do Google para informações e detalhes adicionais sobre esse processo.

Rastreador para ecommerce

6. Crie as Metas para analisar seus resultados fora das vendas

Através do rastreador do ecommerce que citamos no passo anterior, você terá acesso a relatórios sobre suas vendas, mas não são apenas delas que são feitas sua loja virtual. É possível criar Metas, páginas que, quando acessadas, resultarão em conversões no Analytics. Um uso útil dela está na medição da captação de emails para seu banco de contatos, por exemplo.

Criação de metas no Google Analytics

Com a criação da página confirmando a inscrição de um usuário na lista de emails de seu comércio, você passará a receber relatórios dos resultados. O parâmetro fica estabelecido pelo número de vezes que a página em questão foi mostrada. Para isso, entre nas configurações de sua conta e selecione o guia administrador. Selecione conta, propriedade e vista da propriedade e, na coluna das vistas, clique em Metas. Com isso, escolha +Nova Meta para criar a de seu site. É possível criar a partir de um modelo ou fazer uma do zero.

7. Conferindo os dados de seu Analytics

Por motivos óbvios, após configurar sua conta e adicionar o código de rastreio às suas páginas, nenhum informação aparecerá, sendo necessário aguardar ao menos 24 horas para começar a conferir os relatórios de acessos. Após esse período, a tela principal do Analytics mostrará os dados padrões, mostrados em todas as contas.

Dados do Google Analytics

As opções de relatórios mais óbvias são as das datas, normalmente dispostas de maneira semanal - mas que podem ser alteradas -, além de algumas abas com algumas opções básicas. Essas opções cobrem o envio do relatório ao seu email em formato PDF, assim como exportação dos dados, entre outros. Já os dados em si normalmente mostram as visitas recebidas em todos os seus sites durante o período mencionado.

8. Visualizando diferentes segmentos de seus relatórios

É bastante provável que apenas a visão básica oferecida pelo Analytics não seja suficiente para mensurar o resultado de suas páginas. Logo, é necessário que consiga visualizar segmentos que considera mais importantes em um dado momento, como descobrir de onde veio o tráfego. É possível trocar de segmento clicando em um dos itens dispostos na coluna localizada no canto esquerdo da tela.

Segmentos nos relatórios do Google Analytics

Veja também: 18 dicas para seu ecommerce ficar em primeiro lugar no Google

9. Comparando e cruzando dados de seus relatórios

Além de visualizar os relatórios, é possível cruzar diferentes dados para realizar comparações. Localizado abaixo da tela de sumário, na própria tela inicial do Analytics, existem dois botões, cada um se tornando um menu com as mesmas opções. Através deles, é possível selecionar os tipos de dados que deseja comparar, transformando o gráfico.

Comparação de dados

Também é possível visualizá-los de maneiras diferentes. Para isso, use o menu no canto direito da tela, para convertê-lo em um tipo de gráfico que seja de visualização mais fácil para você.

10. Configure relatórios para buscas dentro de sua ecommerce

Um dos melhores tipos de relatórios que o Analytics pode gerar em sua ecommerce é o rastreamento de termos buscados dentro de seu site. Isso permite que tenha conhecimento dos itens mais buscados dentro de sua loja, sendo peça primordial em sua estratégia. Para configurar o rastreador para busca interna, primeiramente faça uma busca você mesmo em sua página e mantenha a aba aberta.

Configuração de relatórios

Na outra aba, abra o seu Analytics. Vá para o guia administrador, seguindo para vista, entrando em suas configurações. No final da lista, escolha a opção acompanhar pesquisa interna. Para definir o parâmetro de consulta, retorne à aba anterior e veja a URL do site. Veja qual é a letra que aparece após o trecho search_results? e preencha no campo de parâmetro de consulta. Dica: O parâmetro sempre será “s” ou “q”.

11. Como rastrear o Jivochat com o Google Analytics

Além das ferramentas analíticas nativas do Jivochat, também é possível analisar seus eventos através do Google Analytics. Para isso, escolha a opção Comportamento no menu à esquerda da página principal, seguido de Eventos e Top Events. Neste menu, basta que escolha a opção JivoSite.

Rastrear o JivoChat com o Google Analytics

A partir daí, você já poderá rastrear as seguintes ações da plataforma do JivoChat: solicitações de chat, chats bem-sucedidos, taxa de aceitação do convite pró-ativo, taxa de rejeição do convite pró-ativo, convites pró-ativos enviados, formulários de contato offline enviados (quando um visitante preenche o formulário quando não há atendentes disponíveis), mensagens enviadas quando o chat esteve offline.

12. Como definir Metas para o JivoChat

Assim como as metas comuns do Analytics, também é possível estabelecer algumas específicas para o JivoChat. Volte para a aba de administrador na mesma coluna e selecione Metas. Clique no botão vermelho de “+” -> Selecione -> Próximo. Dê o nome da meta - como “formulários de contato offline enviados” - e escolha o tipo Evento.

Definir metas para o JivoChat

Complete com a categoria Jivosite e a ação. No exemplo dado no parágrafo anterior, você completaria esse campo com o evento de amostra do formulário para o visitante. Ou seja, você está configurando o site para sempre que um formulário de contato for mostrado a um visitante quando sua equipe estiver offline, ele gerará uma conversão no relatório. É possível criar múltiplas metas com esse processo.

Categoria no JivoChat

13. Como visualizar seus relatórios mais importantes com mais rapidez

Após algum tempo de uso, é normal que tenha preferência para um tipo de relatório em relação aos outros. Quando encontrar o seu favorito, clique no botão Atalho. Dessa maneira, o mesmo relatório poderá ser acessado através da barra lateral à esquerda na tela inicial.

Visualizar relatórios no Google Analytics

Veja também: 6 Funcionalidades que deve colocar em seu ecommerce ainda hoje!

14. Como automatizar o envio de relatórios

Também é possível receber seus relatórios favoritos sem a necessidade de acessar o Analytics. Basta que aperte o botão Email, na mesma linha que o botão de Atalho do item anterior. Um popup com um formulário para envio do email se abrirá, no qual poderá escolher quais endereços eletrônicos o relatório será enviado, assim como qual será a linha de assunto. Anexos também ficam habilitados, assim como em qual formato o relatório será enviado. Por fim, você pode definir a frequência da qual novos relatórios serão gerados e enviados à caixa de entrada dos envolvidos.

Automatizar o envio de relatórios no Google Analytics

15. Como rastrear campanhas

É bastante provável e até recomendável que promova novas campanhas para seu ecommerce, principalmente para medir o sucesso de promoções, por exemplo. Quando for necessário rastrear o sucesso de uma fonte de tráfego em específico, você pode usar um plugin do Google Analytics específico para criar links rastreáveis, disponível no navegador Google Chrome.

Rastrear campanhas no Google Analytics

Para fazer isso, pegue o link original que pretende divulgar e rastrear e inclua no plugin. Depois, a fonte da campanha - o endereço de onde ela se origina, como twitter.com ou facebook.com - e a mídia da campanha, especificando se ela vem de redes sociais ou buscadores, por exemplo. Por fim, no último campo nomeie a campanha com algo de fácil identificação, como promocoes-natal-2016.

Indique e Ganhe: Programa de Afiliados JivoChat

16. Como dar acesso a outros usuários

Com o crescimento do seu negócio, talvez tenha chegado a hora de delegar a análise de sua performance na internet a um profissional. Como falamos no início desse post, é possível incluir novos membros para seu time, assim como customizar seus acessos. Uma das opções, caso não queira dar o acesso à conta, é incluir o endereço de email para o recebimento automático dos relatórios, mas isso acaba por limitar as opções de visualização a um relatório em específico apenas.

Para adicionar um usuário, basta ir na seção de administrador e escolher se incluirá o usuário como conta, proprietário ou vista da propriedade, clicando em gerenciamento de usuários. Incluir o usuário como conta o permite ver todos os sites sob sua tutela, proprietário em apenas um conjunto de sites e vista em apenas um dos sites. Basta incluir a conta Google ou email do usuário em questão e ele receberá o acesso.

Adicionar usuário no Google Analytics

Veja o aumento de conversão que o JivoChat traz no seu Google Analytics

Viu como o Google Analytics é poderoso? Agora se beneficie de todo o poder que o JivoChat traz para o suporte do seu site ou do site da sua empresa para se comunicar muito melhor com seus visitantes. Veja nossos planos e funcionalidades.

Nos vemos no próximo post!

2016/08/16

Se você curtiu esse artigo você também pode gostar desses ...

Dicas para ecommerce, conversão e suporte